Início Controle de Espaço Aéreo Começa a construção do novo centro de operações do Controle de Tráfego...

Começa a construção do novo centro de operações do Controle de Tráfego Aéreo da Europa

Avião Boeing 747-400F

Os trabalhos de construção do novo centro de operações do EUROCONTROL Network Manager, em Bruxelas, foram oficialmente iniciados nesta semana com um evento de lançamento da Pedra Fundamental com a presença do Diretor Geral do EUROCONTROL, Eamonn Brennan, além de Philippe Close, Prefeito da Cidade de Bruxelas, e Alain Hutchinson, Comissário de Bruxelas para a Europa e Organizações Intergovernamentais.

O edifício de € 20,5 milhões está definido para hospedar sistemas operacionais e infraestrutura de TI de última geração, conforme a organização embarca em seu programa de transformação digital de Gerenciamento de Rede Integrado (iNM).

O iNM foi concebido para garantir que o EUROCONTROL, enquanto gestor da rede de aviação europeia e da infraestrutura crítica europeia, continue a satisfazer as necessidades das partes interessadas operacionais, digitalizando e modernizando a forma como o tráfego aéreo é gerido na Europa.

“Com até 35.000 voos por dia esperados na próxima década em uma rede que abrange 43 Estados, este novo edifício terá um papel fundamental em ajudar a EUROCONTROL a modernizar a forma como gerenciamos a capacidade, reduzir atrasos e minimizar impactos ambientais. Nosso novo prédio se tornará o lar de soluções digitais de última geração para otimizar as operações de tráfego aéreo e tornará a gestão da rede europeia resiliente, confiável e sustentável nas próximas décadas”, comentou o Diretor Geral Eamonn.

O novo edifício de 6.000 m² conterá a nova sala de operações do EUROCONTROL, estações de trabalho, uma galeria para visitantes e salas de conferências, incluindo sistemas de ponta para gestão de crises, segurança, e conferências online e híbridas.

A construção e o design do novo centro de operações colocam em seu centro métodos de avaliação de sustentabilidade para novos edifícios, com o EUROCONTROL tendo o objetivo de receber a mais alta certificação ecológica e reduzir sua pegada de carbono, aproveitando materiais de construção sustentáveis, como madeira, o uso de painéis de energia solar e isolamento de alta qualidade.

“Este novo centro operacional é um edifício tecnologicamente avançado que garante a segurança e proteção das funções operacionais, garantindo o bem-estar do pessoal e minimizando os impactos ambientais. O estudo das fachadas foi um verdadeiro desafio para nós. Tivemos de aliar o desempenho energético das paredes a um envidraçamento eletrocrômico, um ótimo isolamento acústico e o nível de segurança esperado de um edifício classificado como “sensível” a nível europeu.

“Além do desempenho energeticamente eficiente das paredes externas, os telhados serão verdes e vão acomodar mais de 600 painéis fotovoltaicos. O entorno paisagístico, além do verde que eles constituem, abrigará um sistema de gestão de águas pluviais que incluirá, além de uma cisterna, valas de infiltração. A biodiversidade será incentivada pelo plantio de plantas nativas e polinizadoras que complementarão as colmeias já presentes no local.

Este edifício irá se beneficiar de um selo BREEAM “excelente”, o equivalente à certificação francesa HQE (Haute Qualité Environmentale)”, disse Rémy Rascol,
Arquiteto e Diretor da CERAU Arquitetura e Urbanismo.

O novo centro de operações do EUROCONTROL se tornará a parte física da transformação digital de seus principais sistemas legados, que garantiram com sucesso o fluxo de tráfego aéreo e o gerenciamento de capacidade por mais de 25 anos.

O aumento do número de usuários do espaço aéreo, o grande intercâmbio de dados e a necessidade de uma gestão mais dinâmica do espaço aéreo e das operações transfronteiriças exigem que uma quantidade significativamente maior de dados seja processada e armazenada.

Escalabilidade – a capacidade do sistema de se adaptar com flexibilidade e rapidez às diversas demandas de tráfego da maneira mais segura, sustentável e eficiente – é um requisito fundamental para o futuro sistema operacional do EUROCONTROL Network Manager (NM).

O novo centro de operações acomodará futuras soluções digitais para as operações do Network Manager, que inicialmente serão executadas em paralelo com o sistema legado do EUROCONTROL. Espera-se que o novo centro de operações esteja pronto no terceiro trimestre de 2023, a tempo de hospedar os primeiros produtos digitais iNM levando a resultados operacionais com vencimento no inverno de 2023/2024.

A evolução do sistema continuará em etapas incrementais ao longo dos próximos dez anos com o objetivo de fornecer serviços centrados no cliente para as partes interessadas operacionais.

Informações do Eurocontrol

Sair da versão mobile