Início Empresas Aéreas Comissário de bordo da American Airlines morre de COVID-19 e aumenta tensão...

Comissário de bordo da American Airlines morre de COVID-19 e aumenta tensão na aviação

Um comissário de bordo da American Airlnes, baseado na Filadélfia, morreu de coronavírus nesta semana, anunciou a companhia aérea na noite da quinta-feira, 26 de março.

Avião Boeing 737-800 American Airlines
Imagem: BriYYZ [CC]

Em comunicado, a American informou que “No início desta semana, perdemos um respeitado membro de longa data da família American Airlines, que deu positivo para a COVID-19”.

O comissário de bordo da Filadélfia, identificado como Paul Frishkorn, 65 anos, vinha respondendo perguntas e ajudando membros durante esse período difícil antes de adoecer, afirmou a companhia.

“Nosso coração está voltado para a família e os amigos de Paul, muitos dos quais trabalham para a American. Estamos trabalhando diretamente com sua família para garantir que eles sejam atendidos durante esse período extraordinariamente difícil”, acrescentou o comunicado.

Não há informações sobre quando ele testou positivo para COVID-19.

Em entrevista ao USA Today, Lori Bassani, presidente da Associação de Comissários de bordo profissionais, disse: “Paul é o primeiro de nossos colegas a perder a vida como resultado desse vírus mortal. Estamos profundamente tristes e agora lembrados de que nenhum cuidado é demais para se resguardar durante este período horrível.”

Ela acrescentou que a morte aumentou a preocupação dos funcionários das companhias aéreas que trabalham em meio a surtos de coronavírus.

“Quando isso atinge um dos seus, lança uma nova luz sobre o coronavírus. Isso espalha mais medo entre nossa categoria. Este é um vírus mortal, diferente de todos os que já experimentamos”, disse Bassani.