Copa Airlines tem interesse na nova aeronave NMA da Boeing

Perspectiva artística do Boeing 737 MAX encomendado pela Copa. Imagem: Divulgação / Boeing.

A Copa Airlines está considerando adquirir a nova Aeronave de Mercado Intermediário – New Mid-market Airplane (NMA) – planejada pela Boeing, que poderia fornecer capacidade adicional em suas rotas mais longas, disse o CEO Pedro Heilbron à FlightGlobal. A Copa possui intensa atividade no Brasil, e a aeronave pode se enquadrar nas rotas de maior demanda, como em Guarulhos.




O interesse da companhia panamenha na MNA é significativo, uma vez que a Copa esteve limitada a uma frota de aeronaves menores de corredor único (narrowbody) durante todo esse tempo, com os Boeings 737NG e Embraer 190. No entanto, Heilbron diz que um equipamento mais eficiente em termos econômicos poderia convencer a Copa a mudar sua mentalidade.

“Os widebodies existentes não fazem sentido”, ele disse, “Mas a NMA pode ter sentido para a Copa, se isso nos der mais capacidade e alcance, no que esperamos ser uma aeronave muito mais econômica e mais fácil de operar em comparação com o 787 ou o A330”.

“Se a Boeing puder desenvolver um narrowbody leve que seja tão competitivo em termos de custo como o 737 MAX e semelhante em tempo útil de serviço, isso será de nosso interesse. No momento em que estiverem prontos para o lançamento, vamos ter essa conversa”, ele acrescenta. “Nós poderíamos facilmente ser um cliente para a NMA”.

A Boeing está avaliando um lançamento potencial da NMA e criou um grupo de estudos para apoiar a aeronave conceitual, mas ainda deverá haver uma aprovação de seu conselho para avançar com um lançamento formal.

 
Com informações do FlightGlobal.
 

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.