Robô pilota e pousa sozinho um Boeing 737 em simulador.

Um robô conseguiu pilotar e pousar um Boeing 737-800 de maneira autônoma em um simulador nos EUA.




Tal feito foi realizado pelo robô do projeto ALIAS (Aircrew Labour In-Cockpit Automation System, ou Sistema Autônomo de Tripulação no Cockpit) que, através de um braço robótico, operou a aeronave no assento do co-piloto utilizando-se de um sistema de câmeras e sensores para monitorar toda a cabine do avião.

A informação captada pelas câmeras e sensores é enviada a um processador que calcula qual será o próximo passo do robô. O braço pode girar e ativar todos os butões do avião, além de mover a manete de potência. Já para o controle de ailerons e profundores (que normalmente é feito com o manche) e para os pedais, o ALIAS utiliza atuadores diretos nos comandos destas superfícies primárias de voo. Confira abaixo o vídeo do pouso realizado pelo ALIAS:

O ALIAS foi testado em um simulador do Boeing 737-800 do Departamento de Transporte. O projeto foi feito para ajudar o comandante em aeronaves que necessitam de dois pilotos, principalmente se o humano ficar incapacitado ou se ausentar da cabine.

O projeto está sendo desenvolvido pela Aurora Flight Sciences e conduzido pela DARPA, Agência de Pesquisa do Departamento de Defesa americano. A agência é conhecida por ter sido a criadora da internet, sendo que nos anos 70 conectou universidades e bases americanas pelo ARPANET.

O projeto já realizou testes reais e com sucesso no Cessna C208 Caravan (vídeo abaixo) e no helicoptéro Sikorsky S-76. Segundo os seus desenvolvedores, em cinco anos a tecnologia estará pronta para ser empregada na aviação real.

Informações pelo DailyMail.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos