Estas são as datas dos últimos voos do MD-11F da Lufthansa na América do Sul

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião McDonnell Douglas MD-11F Lufthansa Cargo
McDonnell Douglas MD-11F

Conforme temos acompanhado nos últimos meses, como parte do projeto de renovação de sua frota a companhia alemã Lufthansa Cargo definiu que os últimos voos operados com o clássico trijato McDonnell Douglas MD-11F para a América do Sul estão programados para dezembro de 2020.

A saída também representará o fim das operações regulares do modelo no Brasil após décadas de serviços. Depois, as rotas para essa região serão operadas com o moderno e altamente eficiente Boeing 777F, o maior avião cargueiro bimotor em operação no mundo.

O B777F é cerca de 20% mais eficiente e emite menos dióxido de carbono do que seu antecessor MD-11F. Além disso, o novo modelo atende aos rígidos requisitos de proteção contra ruído do Anexo 16 da ICAO, Volume I, Capítulo 14, e, devido à maior capacidade e alcance de carga, o mesmo volume de frete pode ser transportado com menor movimentação de aeronaves.

Avião Lufthansa Cargo Boeing 777F Human Cargo Care
Boeing 777F – Imagem: Lufthansa Cargo

No cronograma de inverno 2020/2021 (verão do Hemisfério Sul), a Lufthansa Cargo oferece conexões operadas com cargueiros para os seguintes destinos na América do Sul, além de capacidade em aeronaves de passageiros: Campinas, São Paulo/Guarulhos, Curitiba, Recife, Buenos Aires e Montevidéu.

Até agora, essas estações são servidas pelo MD-11F, e as últimas operações da Lufthansa Cargo com o modelo em cada uma delas estão programadas para as seguintes datas, segundo a própria companhia:

São Paulo (GRU): 23 de dezembro de 2020
Curitiba (CWB): 29 de dezembro de 2020
Recife (REC): 29 de dezembro de 2020
Campinas (VCP): 31 de dezembro de 2020
Buenos Aires (EZE): 31 de dezembro de 2020
Montevidéu (MVD): 31 de dezembro de 2020

O MD-11F pousando em Viracopos/Campinas (SP)

Após a saída da América do Sul, os cinco cargueiros MD-11 ainda em serviço voarão por mais algum tempo em outros destinos, até serem aposentados nos próximos meses. A Lufthansa Cargo começou a operar o singular modelo com seu jato triplo em 1998 por causa de suas vantagens de eficiência. Ele substituiu os cargueiros Jumbo B747F de quatro motores operados até 2005.

A Lufthansa Cargo opera atualmente nove “Triple Seven” cargueiros a partir de seu hub em Frankfurt. Além disso, a empresa comercializa a capacidade de mais quatro aeronaves desse tipo, que são operadas pela joint venture AeroLogic com sede no aeroporto de Leipzig, também na Alemanha.

Informações da Lufthansa Cargo

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Esse raro Boeing 767 visitará o aeroporto de Guarulhos hoje em...

0
Um Boeing 767-300ER de matrícula EC-LZO e pertencente à companhia de fretamentos espanhola Privilege Style, pousará no aeroporto