Início Acidentes e Incidentes Doze pessoas sobrevivem após avião comercial ficar destruído em acidente

Doze pessoas sobrevivem após avião comercial ficar destruído em acidente

No final da tarde do domingo, 12 de setembro, às 18h15 do horário de Moscou (12h15 de Brasília), a Diretoria Principal do Ministério de Situações de Emergência da Rússia na região de Irkutsk recebeu uma mensagem sobre um acidente de uma aeronave comercial bimotora Let L-410 no distrito de Kazachinsko-Lensky.

Avião Let 410 semelhante ao envolvido – Imagem ilustrativa: aeroprints.com / CC BY-SA 3.0, via Wikimedia Commons

De acordo com as informações do Ministério, doze pessoas ficaram feridas e, infelizmente, quatro pessoas morreram. Todas as vítimas do acidente foram transferidas para o pessoal médico de emergência, conforme foi concluído ao longo da noite o trabalho para libertar as pessoas presas nos destroços da aeronave.

Mais de 70 pessoas e 20 equipamentos estiveram envolvidos no atendimento ao local do acidente.

Segundo dados do The Aviation Herald, o L-410 envolvido é o registrado sob a matrícula RA-67042, operado pela companhia russa Sila Avia, quando realizando um voo de Irkutsk para Kazachinsk.

O bimotor estava se aproximando de Kazachinsk quando impactou árvores no penhasco de uma ilha no meio do rio Kirenga, cerca de 4 quilômetros antes da pista. Os mortos são o primeiro-oficial (co-piloto) e três passageiros.

A Sila Avia relatou que a aeronave estava em sua segunda aproximação sob forte neblina quando desapareceu do radar. Já se sabe que uma das caixas pretas foi encontrada, e que os pilotos haviam relatado problemas com seus sistemas de navegação.

Nesta segunda-feira, 13 de setembro, o Comitê de Aviação Interestadual (MAK) informou que abriu uma investigação sobre o acidente.

Sair da versão mobile