Easyjet contrata jovem piloto de 16 anos

Uma adolescente, que acredita-se ser a mais jovem mulher a voar solo no Reino Unido, acaba de assinar um contrato de mentoring com a Easyjet e poderá comandar os grandes jatos em breve.

Ellie Carter esteve nas manchetes em janeiro passado, quando ela pilotou sozinha um pequeno avião, apenas três dias após seu aniversário de 16 anos. Agora, ela será mentorada por uma comandante da empresa inglesa, como parte do programa da Easyjet para atrair mais mulheres para seu quadro técnico.

A jovem é apaixonada por avião. “Voar me surpreende e eu já posso perceber quão recompensadora a carreira de piloto pode ser. Espero que minha história encoraje jovens garotas a atingirem todos os seus objetivos. Se eu consegui, elas conseguem”, disse Ellie.

Zoe Ebrey, comandante da easyjet e mentora de Ellie, disse que “é fantástico encontrar um piloto comercial tão jovem e apaixonado. A força de vontade de Ellie, seu foco e os resultados são impressionantes e eu espero contribuir muito mais em sua jornada”.

O programa de mentorado vai incluir encontros mensais entre Ellie e Zoe, acesso aos simuladores de voo da easyjet e apoio com o desenvolvimento da carreira. Quando ela completar 17 anos, poderá entrar no programa de treinamento de novos pilotos e começar a voar pela companhia low-cost.

Infelizmente, somente 5% dos pilotos comerciais do mundo são mulheres. A easyjet sempre foi referência e deseja subir o número de mulheres no cockpit, de 15% (2017) para 20% em 2020.

Informações do Dailymail

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.