Em fotos e vídeos, a visita do raro e exótico Boeing 747–200 no aeroporto de Confins

Foto: BH Airport

Quem acompanha o AEROIN soube em primeira mão e com exclusividade sobre a visita do raro e exótico Boeing 747–200 em terras mineiras. A aeronave não realiza voos regulares para o aeroporto e, além disso, há apenas cerca de vinte do modelo voando no mundo, o que torna o pouso tão especial.

A operação foi executada pela empresa Fly Pro, de bandeira da Moldávia, sob fretamento de uma empresa brasileira, com finalidade de transportar insumos para uma linha produtiva na cidade de Betim, também na região metropolitana de BH.

O avião destacado para o serviço foi o ER-BAT, que tem cerca de 40 anos. Sua chegada a Confins foi filmada e fotografada, e claro, também compartilhada pela BH Airport em suas redes sociais, como se pode ver abaixo, nessa publicação.

O Boeing 747-200 se tornou uma aeronave rara, mas ao longo da história do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte – Confins, ele fez várias aparições. Foram diversas empresas que voaram com o Jumbo da série 200 para o aeroporto mineiro, sempre em voos não-regulares: Alitalia, Aerolíneas Argentinas, Kalitta Air e a espanhola Pronair

Enquanto a Aerolíneas, e a Alitalia trouxeram o jumbo para Confins em razão de visitas diplomáticas, a Kalitta Air e a Pronair voaram com a versão cargueira do quadrimotor. Eis que agora o Boeing 747-200 deverá voltar novamente ao aeroporto internacional que serve à capital mineira, em mais um voo cargueiro.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias