Em imagens e vídeos, a missão da vez do gigante Antonov 225 é ajudar a África

Nesta matéria, você poderá conferir informações, fotos e vários vídeos da mais recente missão do maior avião do mundo nesta semana.

Antonov AN-225 – Imagem: Embaixada da Alemanha na Namíbia

Vimos ao longo desta semana que o gigantesco Antonov AN-225 Mriya, o maior avião do mundo em diversos aspectos, como peso e capacidade de carga, por exemplo, voltou a decolar de sua base em Kiev, na Ucrânia, para uma nova missão, tendo inclusive protagonizado uma bonita partida com direito a balanço de asas de “tchauzinho” e uma incrível gravação do gigante feita em pleno ar pela Antonov com um drone (caso você não tenha visto, pode clicar aqui para conferir a linda cena).

Inicialmente, o Mriya (palavra que significa “sonho” na língua ucraniana) voou de Kiev para Leipzig, na Alemanha, na segunda-feira, dia 5, mas ainda não eram conhecidos maiores detalhes sobre a operação.

Com o passar dos dias, no entanto, mais informações surgiram e a missão do gigante tornou-se conhecida: levar ajuda à África, ou, mais especificamente, à Namíbia, no extremo sul do continente.

Segundo a Embaixada da Alemanha na Namíbia, para apoiar a luta contra a pandemia da Covid-19 no país, o avião transportando itens vitais oferecidos pela Alemanha chegou em 8 de julho de 2021. Com base na assistência de emergência solicitada pelas autoridades namibianas, 300.000 jalecos cirúrgicos, 60 leitos de cuidado médico e 500.000 máscaras FFP2/N95 foram entregues no aeroporto Hosea Kutako.

Dentro do AN-225, o comandante Dmytro e autoridades – Imagem: Embaixada da Alemanha na Namíbia

Imagem: Embaixada da Alemanha na Namíbia

Imagem: Embaixada da Alemanha na Namíbia

Ainda conforme a Embaixada, mais assistência da Alemanha seguirá nas próximas semanas. A mercadoria com um valor total de 11,2 milhões de euros será entregue ao Ministério da Saúde e Serviços Sociais para posterior distribuição. O transporte da entrega foi apoiado pelo Mecanismo de Proteção Civil da União Europeia.

Segundo dados de rastreamento radar e vídeos que você vê logo abaixo, a movimentação do Antonov 225 desde Kiev até a Namíbia ainda envolveu uma parada técnica para reabastecimento em Accra (Gana), conforme o seguinte itinerário (todos os horários são locais):

De Kiev a Leipzig

O AN-225 partiu de Kiev na segunda-feira, dia 5, às 16:53, e voou por 1 hora e 55 minutos até Leipzig, onde pousou às 17:48. A imagem de radar a seguir mostra a rota e os vídeos mostram a partida na Ucrânia e o pouso na Alemanha.

Imagem: FlightRadar24

De Leipzig a Accra

O grande cargueiro ficou por mais de 1 dia e meio em solo enquanto era carregado e preparado para a missão, partindo de Leipzig às 11:06 da quarta-feira, dia 7. Após longas 7 horas e 9 minutos no ar, pousou às 16:15 em Accra. Mais uma vez, a seguir você pode conferir a rota pelo radar e os vídeos de decolagem na Alemanha e de pouso em Gana.

Imagem: FlightRadar24

De Accra para Windhoek

A parada técnica em Accra durou pouco mais de 12 horas. Na manhã seguinte, dia 8, às 06:59, o AN-225 deixava o solo para um voo de 5 horas e 6 minutos até o pouso às 14:04 em Windhoek. Novamente, imagem e vídeos a seguir (não há vídeos da decolagem de Accra, apenas do pouso no destino).

Imagem: FlightRadar24

Após descarregar a ajuda humanitária na Namíbia, o gigante avião projetado e fabricado na época da União Soviética partiu na noite do mesmo dia 8 de julho. Às 21:47 ele deixou o aeroporto de Windhoek para mais 5 horas e 1 minuto até o pouso de volta a Accra às 00:47 desta sexta-feira, 9 de julho.

Até a publicação desta matéria, o Antonov AN-225 ainda permanecia em solo ganês.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias