ITA Transportes Aéreos solicita slots em Congonhas

EM PRIMEIRA MÃO: A ITA Transportes Aéreos, a mais nova empreitada do Grupo Itapemirim, já solicitou junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), a reserva de slots para voos de e para Congonhas, aeroporto mais central de São Paulo.

Concepção Artística da pintura num A320neo – AEROIN

Nesse momento, a empresa está ainda no processo de certificação junto à ANAC para obtenção das autorizações que irão lhe permitir operar voos comerciais regulares. No entanto, em uma consulta junto ao banco de dados da agência, encontramos várias reservas de slots da próxima temporada de inverno da IATA, que começa no dia 25 de outubro e vai até 27 de março do ano que vem.

Congonhas é o aeroporto mais central da capital paulista e altamente cobiçado pelas companhias aéreas, que faz com que as autoridades coordenem e limitem o uso do aeroporto visando não sobrecarregar os controladores de voo. Então, o movimento da Itapemirim soa sensato, uma vez que a empresa também quer sua parte do “filé mignon”.

Na ANAC, os voos aparecem com o código IPM. Indagada, a agência confirmou ao AEROIN que esses slots foram reservados pela Itapemirim, e que IPM deverá ser o código da companhia na ICAO (organização da ONU para Aviação Civil e que emite recomendações para a gestão do transporte aéreo mundial).

Voos com 180 passageiros

Segundo a ANAC, “os slots solicitados eram remanescentes da última distribuição realizada pela agência, para a temporada mencionada. No entanto, para que possa operá-los, a empresa precisa ter concluído o processo de certificação operacional junto à Agência”.

O pedido de slots da ITA é válido para voos entre 1º e 27 de março de 2021, quando termina a temporada. Já para o verão 2021, que é a temporada seguinte, ainda não foi aberta para pedido de horários de voos, mas o fato da empresa ter slots aprovados ajuda com que ela os mantenha (desde que cumpra com os requisitos de uso dos horários de pouso e decolagem).

Um fato que chamou a atenção é que a configuração apresentada pela companhia para o Airbus A320 é de 180 assentos e não 140 ou 110 lugares como o presidente do grupo, Sidnei Piva, disse em entrevistas recentes. Caso isto se concretize, será o A320 mais denso a operar no país, dado que a Azul e LATAM operam atualmente com 174 passageiros no mesmo modelo de avião.

Lista de Slots Reservados

Os destinos solicitados chamam a atenção, pois estão limitados a Ribeirão Preto e Presidente Prudente. De qualquer maneira, é necessário ter em mente que a empresa fez a reserva apenas como forma de assegurar os slots, mas o destino do voo pode mudado a qualquer tempo. Em entrevista recente, Tiago Senna, CEO da empresa aérea, informou que a malha ainda estava sendo desenhada.

Confira a seguir quais os slots pedidos pela ITA (desconsidere os destinos, pois devem ser provisórios):

  • IPM 5501/5513 às segundas, quartas, quintas, sextas e sábados, decolando às 06h15 de Presidente Prudente e chegando em Congonhas às 07h25;
  • IPM 5514 decolando aos sábados às 09h00 de Congonhas para Presidente Prudente, onde chega às 10h10;
  • IPM 5502 às segundas, quartas, quintas, sextas e sábados decolando às 09h15 de Congonhas para Ribeirão Preto, com pouso às 10h10. No sábado o voo decola às 08h30;
  • IPM 5505 de segunda à sexta e domingos, saindo de Ribeirão Preto às 11h10 e chegando em Congonhas às 12h15;
  • IPM 5504 de segunda à sexta e nos domingos, decolando às 12h55 para Ribeirão Preto, onde chega às 13h50;
  • IPM 5507 de segunda à sexta e domingos, saindo de Ribeirão às 16h30 e chegando em Congonhas às 17h25;
  • IPM 5508 de segunda à sexta e domingos, decolando de Congonhas às 21h00 e chegando em Ribeirão às 21h50;
  • IPM 5510 às quartas, saindo de Congonhas às 17h45 e chegando em Ribeirão Preto às 18h40;
  • IPM 5511 às quartas, decolando de Ribeirão às 15h40 e chegando em São Paulo às 16h45;

Os slots em si são apenas espaços de tempo (horários) que as companhias aéreas têm direito de usufruir em um aeroporto, podendo usar da maneira que desejarem, e não com rotas fixas. Logo, a ITA poderá alterar futuramente os voos e seus destinos.

Seguimos monitorando todas as etapas do processo de entrada “no jogo” da ITA Transportes Aéreos.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagens pela Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

Ouça o que disse o presidente da Gol a bordo do...

0
O presidente da GOL Linhas Aéreas, Paulo Kakinoff, falou ontem durante o primeiro voo do Boeing 737 MAX modificado com passageiros no Brasil.