Início Empresas Aéreas Embraer anuncia acordo de Pool com a KLM Cityhopper para a frota...

Embraer anuncia acordo de Pool com a KLM Cityhopper para a frota de E195-E2

E195-E2 da KLM Cityhopper – Imagem: Embraer

A Embraer anunciou hoje (21) no MRO Europe, importante evento de manutenção aeronáutica, um acordo para o Programa Pool com a KLM Cityhopper, subsidiária regional da KLM Royal Dutch Airlines.

O contrato inclui amplo suporte para componentes da frota de jatos E195-E2 da companhia aérea. Atualmente, o Programa Pool atende mais de 50 companhias aéreas em todo o mundo. A companhia aérea recebeu no início de 2021 o primeiro E195-E2 dos 25 jatos encomendados, sendo que todos os jatos E2 estão cobertos por esse contrato.

Atualmente, a KLM Cityhopper já opera um total de quatro E195-E2, além de frota de 49 E-Jets de primeira geração.

Imagem: Embraer

“Como a companhia aérea com a maior frota de E-Jets da Europa, a KLM Cityhopper tem ampla experiência em operações e manutenção desses jatos – e padrões muito elevados, especialmente em relação à disponibilidade das aeronaves. Este contrato é um grande endosso da KLM Cityhopper e amplia a bem-sucedida atuação da Embraer no fornecimento de suporte e serviços abrangentes para os clientes de E2”, disse Johann Bordais, Presidente e CEO da Embraer Services & Suporte.

O Programa Pool permite às companhias aéreas minimizar investimentos iniciais em estoques e itens reparáveis de alto valor, aproveitando o conhecimento técnico da Embraer e sua vasta rede de prestadores de serviços de reparo de componentes. Os resultados são significativas economias em custos de reparo e manutenção de estoque, redução no espaço de armazenamento necessário e a eliminação quase total da necessidade de recursos exigidos para o gerenciamento de reparos, garantindo, ao mesmo tempo, os níveis de desempenho.

O E195-E2, aeronave de nova geração da Embraer, é projetado especificamente para reduzir emissões e poluição sonora. As credenciais ambientais do E2 impressionam. O baixo nível de ruído externo já está bem abaixo dos futuros limites planejados pela Organização da Aviação Civil Internacional (OACI). As emissões de carbono são quase 10% mais baixas por viagem e 31% menores por assento. Em um ano normal, cada E195-E2 irá emitir 1.500 toneladas a menos de poluentes de carbono.

Informações da Embraer

Sair da versão mobile