Renomado prêmio internacional é conquistado pelo jato C-390 da Embraer

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Embraer C-390 Millennium
Embraer C-390 – Imagem: Steve Lynes / CC BY 2.0, via Wikimedia Commons

A aeronave de transporte multimissão C-390 Millennium, fabricada pela Embraer, recebeu hoje (19) da revista Aviation Week os prêmios Grand Laureate, na categoria Defesa, e o Laureate Awards, na categoria “Melhor Novo Produto” de Defesa.

“O primeiro C-390 de transporte/reabastecedor, maior e mais sofisticada aeronave já desenvolvida pela Embraer, foi entregue à Força Aérea Brasileira em 2019”, escreveu a publicação no site da premiação.

“Receber um prêmio tão tradicional como o Laureate Awards é uma distinção muito significativa do trabalho excepcional realizado por todos os colaboradores da Embraer, ao reconhecer o mérito dos nossos engenheiros e a capacidade da nossa força de trabalho em executar com excelência o desenvolvimento de um produto tão avançado”, disse Francisco Gomes Neto, presidente da Embraer.

A Embraer destaca que sua nova estratégia de negócios tem foco no crescimento com aumento da rentabilidade e o C-390 Millennium desempenha um papel importante ao inserir a companhia em um novo segmento de mercado.

“Ficamos honrados com esta premiação, que é um reconhecimento da excelência dos nossos programas e desta aeronave, projetada para estabelecer novos padrões na categoria, que reúne desempenho excepcional e o menor custo de ciclo de vida no mercado”, disse Jackson Schneider, Presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança.

Embraer C-390 Millennium
Embraer C-390

Segundo a fabricante brasileira, o C-390 Millenium oferece maior flexibilidade e valor para os operadores que procuram uma aeronave para realizar missões de transporte aéreo e mobilidade aérea, entre outros.

Desde sua criação, o Laureate Awards da Aviation Week homenageia conquistas extraordinárias e personalidades inovadoras que representam os valores e a visão da comunidade aeroespacial global e que mudaram a forma como as pessoas trabalham e se movem pelo mundo.

A Aviation Week reconhece as melhores realizações nos quatro pilares da indústria: Defesa, Aviação Comercial, Espaço e Aviação Executiva.

Em 2009, a Força Aérea Brasileira (FAB) contratou a Embraer para projetar, desenvolver e fabricar a aeronave C-390 Millenium em substituição à sua frota de C-130 Hercules. As entregas para a FAB começaram em setembro de 2019.

O C-390, que também foi adquirido recentemente pelo governo de Portugal, é um jato de transporte multimissão de nova geração que oferece mobilidade, rápida reconfiguração, alta disponibilidade e segurança de voo aprimorada, tudo em uma única plataforma.

Avião Embraer KC-390
Embraer C-390

A aeronave pode executar uma variedade de missões, como transporte de carga e tropas, lançamento aéreo de cargas e paraquedistas, reabastecimento aéreo, busca e salvamento, combate aéreo a incêndios, evacuação médica e missões humanitárias.

Um número minimizado de inspeções e uma filosofia de manutenção sob demanda, combinados com sistemas e componentes altamente confiáveis, reduzem o tempo da aeronave no solo e os custos totais da operação, contribuindo para níveis de disponibilidade excelentes e baixo custo do ciclo de vida.

O C-390 se beneficia de um sistema de controle fly-by-wire com tecnologia integrada que diminui a carga de trabalho da tripulação e aumenta a segurança de sua operação. Além disso, o jato pode reabastecer outras aeronaves em voo, com a instalação de tanques internos de combustível removíveis, podendo também ser reabastecida em voo, proporcionando maior flexibilidade para missões mais longas.

Um sistema avançado de autodefesa aumenta a capacidade de sobrevivência da aeronave em ambientes hostis.

Equipado com dois motores turbofan International Aero Engines V2500, aviônicos de última geração, uma rampa traseira e um avançado sistema de movimentação de carga, o KC-390 pode transportar até 26 toneladas a uma velocidade máxima de 470 nós (870 km/h), com capacidade de operar em ambientes austeros, incluindo pistas não pavimentadas ou danificadas. A aeronave pode transportar tropas, paletes, veículos blindados e helicópteros.

Informações da Embraer

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias

Voo histórico de 60 metros feito por Santos Dumont completa 115...

0
O voo do brasileiro Alberto Santos Dumont, em uma distância de 60 metros com o 14-Bis, no Campo de Bagatelle, em Paris, marcou historicamente aquele 23 de outubro de 1906 e consagrou ainda mais o inventor. O aparelho subiu 2 metros de altura e foi o bastante para a humanidade olhar para cima e para o futuro de forma diferente.