Embraer celebra 15 anos do jato E175, um sucesso brasileiro

Embraer E175 da TRIP – Divulgação

A Embraer está comemorando os 15 anos da entrega do primeiro jato E175, um dos aviões brasileiros mais vendidos no mundo em todos os tempos.

A primeira entrega aconteceu em 19 de julho de 2005 para a Air Canada, cliente de lançamento, que encomendou 15 jatos do modelo e posteriormente mais 10, chegando a 25 aviões que operam até hoje rotas regionais tanto domésticas quanto internacionais sob a marca Air Canada Express. Só na empresa canadense foram mais de 650 mil horas de voo registradas levando aproximadamente 25 milhões de passageiros durante estes 15 anos.

O jato E175 foi um sucesso na América do Norte por ser o maior jato a se enquadrar na “Scope Clause”, que é a cláusula que limita o número de assentos e peso dos jatos que podem voar nas rotas regionais, as quais são operadas por empresas terceirizadas das grandes companhias aéreas locais.

Avião Embraer E175 Air Canada Express
Embraer E175 da Air Canada © Divulgação

Com configuração típica de 76 assentos em duas classes, o E175 se encaixa neste quesito e tem o diferencial de ser um avião mais alto e maior que os concorres Bombardier CRJ, oferecendo maior conforto para os passageiros e tripulantes, além de ter mais espaço de carga.

Este diferencial foi uma das chaves para que a Embraer dominasse o mercado regional americano, sendo que hoje o E175 atinge está na marca de 1.093 unidades vendidas, sendo que 800 são pedidos firmes e 293 opções de compra (pedidos que serão confirmados mais a frente). Deste número de 800 pedidos firmes, 637 já foram entregues.

No Brasil o E175 teve operação limitada, voando apenas pela TRIP Linhas Aéreas entre 2009 e 2013, quando a companhia foi adquirida pela Azul, que manteve apenas cinco unidades voando por mais um ano apenas, antes de devolvê-las.

Um fato curioso é que destes todos cinco jatos que a Azul manteve por um curto período de tempo após a fusão, todos foram repassados para a Air Canada em 2015.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagens pela Avianca Brasil e Azul Linhas Aéreas. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias