Embraer E175 “aposta” corrida com Boeing 737 em decolagem paralela

A disputa entre a Boeing e a Embraer foi para outro nível, mas sem violência e levada para o lado da diversão, com uma corrida entre os jatos mais vendidos das duas fabricantes.

O caso aconteceu há mais de dois anos no Aeroporto Internacional de São Francisco, mas vale a pena rever, já que é uma cena rara mesmo no aeroporto californiano conhecido pelas aproximações paralelas.

E falando em Califórnia, o Boeing 737 da Southwest chama atenção por ter a clássica bandeira do estado estampada, com o urso dourado que é o animal símbolo do estado, mas que já está extinto.

Este 737 disputa com o Embraer E175 da United Express, sendo que o jato brasileiro decola da pista 28R e o americano da pista 28L. O vídeo foi gravado de dentro do Embraer num assento de passageiro pelo piloto Jason M. Baughman e divulgado em seu Instagram.

Apesar de não haver um vencedor na disputa, é possível ver que ambas as aeronaves saem do chão praticamente ao mesmo tempo e, no final, o 737 está um pouco à frente, mas o E175 acaba ficando mais alto que o Boeing.

Operações simultâneas são comuns em São Francisco, que é a segunda maior cidade da Califórnia e, apesar de ter um aeroporto grande com 4 pistas, elas são dispostas de maneira cruzada, sendo duas pistas paralelas em cada direção, que são utilizadas de maneira simultânea para agilizar o tráfego aéreo no setor.

Veja a seguir um exemplo de um pouso simultâneo em São Francisco, em que o jato da Embraer fica bem pequeno relativamente ao grande Boeing 777 ao fundo:

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias