Início Empresas Aéreas Emirates adia planos e voos regulares somente devem voltar em julho

Emirates adia planos e voos regulares somente devem voltar em julho

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Segundo novas informações da Emirates, a empresa árabe decidiu manter seus voos regulares de passageiros suspensos até o final de junho, no mínimo. Essa alteração já está refletida nos sistemas de reservas da companhia. Os voos para o Brasil também foram alterados, confira as mudanças. 

Atualmente, a transportadora de Dubai está operando especificamente voos de repatriamento para destinos selecionados. No entanto, segundo segundo o site da empresa, os voos regulares começam a ser retomados somente a partir de julho, embora a companhia saliente que essas agendas estão sujeitas a alterações, dependendo dos desenvolvimentos da pandemia de covid-19.

O site Routes Online também publicou uma lista de voos atualizada, detalhando que, a partir de 1º de julho, iniciam operações para vários destinos, sendo precedidos de outros, gradativamente. Isso significa que o reinício das operações para o Brasil também foi novamente postergado.

“A situação permanece dinâmica e esses voos podem estar sujeitos a alterações”, disse um porta-voz da Emirates ao Arabian Business. “Nosso objetivo é fornecer a nossos clientes o máximo de informações possível, caso haja alguma alteração”.

Como empresa global e operando num conceito de hub, a Emirates é largamente afetada, já que a maioria das fronteiras permanecem fechadas e sem data para reabertura. Além disso, essas reaberturas devem acontecer gradativamente e não todas de uma vez, na medida em que os governos mundo afora controlam suas epidemias da covid-19, portanto, isso determinará a cadência do retorno da Emirates aos ares.

Anteriormente, a empresa havia previsto o retorno de voos em maio, mas esses planos parecem estar suspensos, já que não há mais possibilidade de reservas no site.

Nova perspectiva de retorno ao Brasil

Segundo a nova programação, o retorno dos voos para São Paulo e Rio de Janeiro estão previstos para as seguintes datas:

  • São Paulo – entre 2 e 14 de julho, serão quatro voos por semana com o Airbus A380. Após o dia 14, o voo volta a ser diário.
  • Rio de Janeiro – Santiago – operado com Boeing 777-300ER, essa rota retorna em 1 de setembro, com uma operação três vezes por semana
  • Rio de Janeiro – Buenos Aires – operado com Boeing 777-300ER, esse voo retornará em 2 de agosto, com frequência de quatro vezes por semana, como antes.

Como citado acima, os planos anteriores de retomar os voos para o Brasil em maio estão cancelados.

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram.

Sair da versão mobile