Empresa aérea põe adolescente em voo para o país errado

Os pais de um adolescente que viajava desacompanhado ao exterior reclamam que seu filho teria sido colocado no avião errado. O problema teria sido causado devido a um equívoco do pessoal da empresa aérea.

Anton Berg, de 14 anos, reside na Carolina do Norte e estava viajando para visitar seus avós, na Suécia, informou a estação de notícias WRAL filiada à NBC.

Mas Anton não tinha permissão para viajar sozinho e a United Airlines cobrava uma taxa de A $215 para que ele viajasse como um “menor desacompanhado”. Um menor não acompanhado é uma criança ou adolescente que viaja com a assistência do pessoal da companhia aérea.

Anton já com sua avó

O pai da adolescente, Christer, disse que a primeira perna da viagem foi tranquila, de Raleigh a Newark, New Jersey. No entanto, quando no avião já estava pronto para partir de Newark, Anton percebeu que estava no voo errado.

“Ele me mandou uma mensagem, porque ele ainda estava em seu telefone, e disse: ‘Há muitas pessoas falando alemão neste voo. Isso é meio estranho, não é?’ disse o menino.

Os pais de Anton então perceberam que ele estava indo para a Alemanha. Imediatamente, eles ligaram para a companhia aérea, que conseguiu fazer com que a aeronave voltasse para o portão de embarque.

O adolescente finalmente chegou à Suécia, no entanto sua mãe, Brenda, afirma que ele teve que parar na Dinamarca, já que ele perdeu o voo original para Estocolmo.

Seus pais estão furiosos e rotulam de “falha cósmica” em nome da companhia aérea.

A Sra. Berg disse que mal dormiu. “Eu apenas pensei a noite toda,” e se ele tivesse 12 anos? E se ele tivesse 10 anos? E se ele não tivesse o celular dele? “Isso não pode acontecer com mais ninguém”, disse ela.

Frank Benenati, porta-voz da United Airlines, disse ao USA Today que a companhia aérea tem estado em contato com a família Berg e se desculpou pelo erro.

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.