Estudo da ICAO prevê 1,5 bilhão de viajantes internacionais a menos em 2020

A ICAO emitiu na última quinta-feira (30), sua primeira previsão completa de fluxo passageiros para 2020, revelando que as companhias aéreas podem ver até 1,5 bilhão de viajantes internacionais a menos neste ano.

Paralelamente, a oferta de assentos internacionais pode cair em quase três quartos, resultando em uma perda de US$ 273 bilhões em comparação com a receita operacional bruta anteriormente esperada para o ano. 

“Na análise atualizada de hoje, o período foi estendido por mais três meses até dezembro de 2020 e dados de tarifas aéreas mais confiáveis ​​foram usados ​​para calcular a redução de receita”, disse o secretário-geral da ICAO, Dr. Fang Liu. 

O mapa abaixo mostra a redução esperada em voos, passageiros e receita com melhor cenário (seta amarela) e o pior (seta vermelha). Por exemplo, na América Latina, é esperada uma redução na quantidade de voos internacionais entre -33,6% e -65% até o final do ano, com respectiva diminuição de passageiros entre -49.56 e -89,76 milhões.

Fonte: ICAO

A ICAO é um braço das Nações Unidas e fornece análises atualizadas sobre o impacto econômico do covid-19 no transporte aéreo desde o início de fevereiro de 2020, além de orientação contínua aos planejadores, reguladores e operadores de transporte aéreo. 

As projeções são usadas por muitos países no planejamento de seus cenários de recuperação da covid-19, dada a importância do turismo, cadeias de suprimentos globais e muitos outros fatores de conectividade aérea para a prosperidade socioeconômica local.

A versão completa do novo relatório da ICAO, juntamente com todos os outros materiais de previsão e orientação da ICAO, estão disponíveis gratuitamente para governos, indústria e público em geral, por meio do portal de informações da agência de aviação. 

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Ampliação de pista de aeroporto pode ser prejudicial a elefantes na...

0
Ampliação deve invadir partes da Reserva Shivalik, um santuário de elefantes que abriga mais de 2.000 animais ameaçados de extinção.