Ethiopian Airlines relançará Zambia Airways com jatos E2 ou CSeries

A Ethiopian Airlines, a aérea africana com mais destinos no mundo, revelou que irá comprar jatos regionais no próximo mês para o relançamento da Zambia Airways.




A companhia nacional da Zâmbia fechou as portas em 1995, na época operava diversos voos domésticos e internacionais na África, Europa e para Nova Iorque. Agora o CEO da Ethiopian,  Tewolde GebreMariam, disse que os planos iniciais de operar uma frota de 737 MAX 7 com turboélices Dash 8 foi desconsiderada, e a aérea irá encomendar jatos Embraer E195-E2 ou Bombardier CSeries CS100/CS300.

Em janeiro a Ethiopian entrou em acordo com o governo da Zâmbia para adquirir 45% na nova Zambia Airways, com voos previstos para começar em outubro.

Pelo jornal LusakaTimes

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos