EUA aceitará viajantes que tiverem tomado uma dessas sete vacinas

travel shopping business money
Foto de Olya Kobruseva via Pexels.com

Os Estados Unidos da América estão próximos de dar um importante passo rumo à retomadas das viagens internacionais, após a Casa Branca e o Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) informarem que estão dispostos a aceitarem outras vacinas disponíveis mundo afora.

Na noite de sexta-feira (8), o CDC confirmou que não só reconheceria as vacinas aprovadas para uso pelo FDA, mas também pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a partir do mês de novembro. A lista de vacinas aprovadas da FDA inclui:

– Pfizer / BioNTech
– Moderna
– J&J Janssen
– AstraZeneca (em aprovação emergencial pela OMS)
– Covishield (em aprovação emergencial pela OMS)
– Sinopharm (em aprovação emergencial pela OMS)
– CoronaVac (em aprovação emergencial pela OMS)

Outras vacinas, como a russa Sputnik V, não entraram na lista dessa vez.

De acordo com o CDC, as companhias aéreas já foram informadas da lista de vacinas aprovadas para ajudá-las a se prepararem antes que o novo sistema entre em vigor no mês que vem.

O governo americano, no entanto, ainda não divulgou qual será o protocolo a ser seguido (por exemplo, se basta apresentar um comprovante de vacinação ou se será necessário outro documento). Os detalhes serão divulgados assim que os protocolos estiverem definidos, disse o CDC.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias