Exposição no Aeroporto Afonso Pena mostra fotos do Vale do Ivaí

O potencial turístico da região do Vale do Ivaí, no interior do Paraná, é destaque para quem passa pelo Aeroporto Internacional Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. As riquezas naturais, culturais e históricas da região, registradas por diversos fotógrafos, amadores e profissionais, fazem parte da exposição “Visite Vale do Ivaí”, instalada no setor de Embarque, no segundo piso do aeroporto.

Imagem: Governo do Paraná

A iniciativa, da Paraná Turismo – vinculada à Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest) –, em parceria com a Superintendência do Aeroporto Internacional Afonso Pena, foi lançada na segunda-feira, 20 de setembro. As imagens ficarão expostas pelos próximos 30 dias.

O objetivo é que visitantes e passageiros, brasileiros e estrangeiros, conheçam a região. “É a possibilidade dos municípios do Vale do Ivaí mostrarem o que têm de melhor. A região é riquíssima, tanto no turismo de natureza, quanto no religioso”, afirmou o secretário Márcio Nunes.

De acordo com ele, o turismo é um grande propulsor na geração de empregos no mundo, e é importante investir na divulgação dos atrativos do Estado. “O Vale do Ivaí é uma das 15 regiões turísticas do Paraná. É um importante destino de turismo religioso, rural e de aventura. Com santuários, monumentos e templos, a região atrai fiéis para momentos de paz e reflexão”, disse.

O diretor-presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, destaca o potencial hídrico do Vale do Ivaí. “A região é farta, com várias cachoeiras e as belezas do Rio Ivaí. São atrações que podem fazer com que o turista permaneça por semanas nessa região”, afirmou.

De acordo com Geraldo Rocha, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens no Paraná (Abav), o Estado é bastante privilegiado em relação ao potencial turístico. “Os agentes de viagens vendem o que têm na prateleira e os produtos turísticos do Paraná, especialmente da região do Vale do Ivaí, são muito bonitos”, disse.

Servida por linhas de transporte intermunicipal, o Vale do Ivaí fica próximo a dois aeroportos: o de Londrina e o de Maringá. As principais vias de acesso são a Rodovia do Café (BR-376), a BR-272 e a BR-277.

Memórias

O Vale do Ivaí também possui vastas áreas verdes e uma cultura que conserva memórias de um passado de prosperidade garantida pelo “ouro verde” – o café.

“A gastronomia, a cultura e atrações bem diversificadas são frutos dessa colonização do Brasil e outros países”, afirmou o prefeito de Apucarana, Sebastião Ferreira Martins Junior (Junior da Femac), presidente da Associação dos Municípios do Vale do Ivaí (Amuvi). “Temos aqui na exposição várias cidades, cada uma com seus encantos e atrativos”.

Vitrine

De acordo com Irapuan Cortes Santos, diretor de Marketing e Inovação da Paraná Turismo, a exposição é uma oportunidade para divulgação do Estado para os paranaenses e visitantes. “A Associação dos Municípios do Vale do Ivaí – Turismo (Amuvitur) é a terceira região a utilizar esse espaço que está sendo disponibilizado”, afirmou.

Os outros dois destinos que já tiveram seus atrativos expostos em fotografias no Aeroporto Internacional Afonso Pena foram Antonina e Piraquara. Com o retorno das atividades turísticas e o aumento da movimentação no terminal, após a liberação de mais voos, essa exposição se torna uma ferramenta ainda mais relevante.

“Os atrativos do Estado estão sendo mostrados não só para os paranaenses, mas para todos os brasileiros e estrangeiros que passam pelo aeroporto. Isso abre portas para o turismo regional e do país”, destacou Fabio Couto Rosa, presidente da Associação dos Municípios do Vale do Ivaí Turismo (Amuvitur).

Informações do Governo Estadual do Paraná

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Itapemirim estreia voos internacionais em novembro com rota especial para o...

0
A Itapemirim Transportes Aéreos agendou doze voos, contando ida e volta, para o Uruguai, no final de novembro com o objetivo