flybe tem aviões retomados e deve declarar falência nesta noite

A britânica flybe parece ter chegado ao seu fim, com os seus aviões sendo apreendidos nesta noite. A notícia da falência da empresa aérea pode vir nas próximas horas.

Embraer    Flybe

O último voo da empresa aérea teria sido o BE7308, operado pelo Embraer E175 de matrícula G-FBJK, entre Hannover, na Alemanha, e Manchester, no Reino Unido.

Já um Dash 8-Q400 teria sido apreendido em Glasgow e, logo depois, um outro avião da companhia foi desviado para Manchester, a fim de evitar a retomada de posse.

O golpe final na aérea regional britânica foi a crise no setor causada pelo coronavírus e os anúncios de hoje, sobre os cortes de rotas da Virgin Atlantic, sua acionista. Dentre os cortes da Virgin está a nova rota para São Paulo, que iria começar agora em março e foi postergada, pelo menos, até outubro.

A flybe conta com 2.300 funcionários segundo o The Indepedent. Sua frota era composta de turboélices ATR-72 e Dash-8 Q400, e pelos jatos brasileiros Embraer E175 e E190.

A empresa acumulava dívidas milionárias nos últimos anos e não conseguia novos investidores. A Virgin, por sua vez, afirmou que não iria injetar dinheiro na empresa e o governo britânico, pressionado pela concorrência, não elaborou um plano de resgate.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias