Início Empresas Aéreas GOL prorroga voos internacionais uma vez mais; início não será em março

GOL prorroga voos internacionais uma vez mais; início não será em março

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Boeing 737-800 GOL

O dia 28 de março era a data prevista para a retomada dos voos internacionais da GOL Linhas Aéreas, inicialmente a partir do Aeroporto de Guarulhos para Buenos Aires, na Argentina. No entanto, os planos acabam de ser mudados novamente, em razão da situação da pandemia.

Segundo um levantamento feito em primeira mão pelo Aviacionline, a empresa brasileira adiou mais uma vez o reinício dos voos, suspensos há quase um ano. Considerando a nova atualização do sistema de reservas, a GOL só reiniciará os voos internacionais em junho.

De acordo com a plataforma Cirium, este é o calendário internacional atual da GOL Linhas Aéreas a partir de junho. Da mesma forma, tudo está sujeito a mudanças, pois pode haver novas modificações nas próximas semanas com base na evolução da pandemia.

  • Brasília – Buenos Aires – Brasília: a  partir de 1º de novembro.
  • Brasília – Cancún – Brasília: a partir de 5 de julho.
  • Brasília – Miami – Brasília: a  partir de 5 de julho.
  • Brasília – Orlando – Brasília: a  partir de 5 de julho.
  • Florianópolis – Buenos Aires – Florianópolis: a  partir de 6 de novembro.
  • Fortaleza – Miami – Fortaleza: a  partir de 1º de novembro.
  • Rio de Janeiro – Buenos Aires – Rio de Janeiro: a  partir de 5 de julho.
  • Rio de Janeiro – Córdoba – Rio de Janeiro: a  partir de 8 de julho *
  • Rio de Janeiro – Rosário – Rio de Janeiro: a  partir de 7 de julho *
  • Rio de Janeiro – Santiago do Chile – Rio de Janeiro: a  partir de 7 de novembro.
  • Salvador de Bahia – Buenos Aires – Salvador de Bahia: a  partir de 6 de novembro.
  • São Paulo – Assunção – São Paulo: a  partir de 5 de julho.
  • São Paulo – Buenos Aires – São Paulo: a  partir de 2 de junho.
  • São Paulo – Lima – São Paulo: a  partir de 5 de julho.
  • São Paulo – Mendoza – São Paulo: a  partir de 6 de julho *
  • São Paulo – Montevidéu – São Paulo: a  partir de 5 de julho.
  • São Paulo – Punta Cana – São Paulo: a  partir de 7 de julho.
  • São Paulo – Santiago do Chile – São Paulo: a  partir de 5 de julho.
  • São Paulo – Santa Cruz de la Sierra – São Paulo: a  partir de 5 de julho.

* voos para Córdoba, Mendoza e Rosario dependem de autorização da Argentina. No momento, as operações internacionais estão centralizadas em Buenos Aires.