Governo aprova concessão do Aeroporto da Pampulha à iniciativa privada

Aeroporto da Pampulha – Imagem: Portal da Copa, CC BY 3.0 BR, via Wikimedia Commons

O Governo Federal, por meio do Ministério da Infraestrutura (MInfra), deu aval para Minas Gerais conceder a exploração do Aeroporto da Pampulha – Carlos Drummond de Andrade (SBBH) à iniciativa privada.

Assinada pelo secretário Nacional de Aviação Civil do MInfra, Ronei Glanzmann, a anuência ao processo de concessão foi publicada na edição desta quinta-feira, 29 de julho, do Diário Oficial da União (DOU).

O terminal aeroportuário foi delegado pela União ao governo do estado – por isso a necessidade de dar anuência ao processo de concessão. Minas Gerais já realizou os estudos técnicos e audiências públicas referentes à concessão.

Agora, fica a cargo do Executivo mineiro realizar o leilão de concessão, seguido da assinatura de contrato com a vencedora do certame, nas datas que definir.

Transferência da Infraero ao estado

A transferência do aeroporto da Pampulha, da União para o estado de Minas Gerais, havia sido assinada em 17 de junho do ano passado, pelo Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, em uma portaria que estabelecia prazo até 31 de dezembro de 2020 para a conclusão.

A portaria revogou a atribuição da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) de administrar o aeroporto. O local, que já chegou a ser o principal aeroporto do estado, atualmente tem poucos voos interestaduais e é utilizado prioritariamente para voos entre cidades mineiras e a capital do estado.

Informações do Ministério da Infraestrutura

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Embraer apresenta novo turboélice nos EUA, mas com menos assentos

0
O novo turboélice da Embraer foi apresentado hoje para empresas aéreas americanas, mas com menos assentos que o anunciado ao público.