GRU Airport é o primeiro aeroporto brasileiro a ter a Certificação de Saúde da ACI

A GRU Airport, concessionária que administra o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, é o primeiro aeroporto no Brasil a conquistar a certificação Airport Health Accreditation, Credenciamento de Saúde Aeroportuária, na tradução literal, da International Airport Council International (ACI), que avalia as medidas de saúde e higiene adotadas para promover a segurança dos passageiros, frequentadores e funcionários.  

Para conquistar esse selo de qualidade foram analisadas diversas áreas e processos da Gru Airport incluindo acessos aos terminais, áreas de check-in, processos de segurança, portões de embarque, lojas, praças de alimentação, equipamentos como pontes de embarque, escadas rolantes e elevadores, áreas de controle de fronteira, de atendimento ao cliente, cuidados com bagagens, desembarque e instalações como banheiros e demais áreas de convivência.

“A conquista dessa importante certificação só foi possível com o esforço de todos da Gru Airport e principalmente com a ajuda da equipe da Anvisa, que exerce muito bem seu papel de órgão fiscalizador e sempre nos auxiliou com as orientações e na implantação das melhores práticas sanitárias para tornar o aeroporto uma referência no país e um ambiente cada vez mais seguro”, afirmou o diretor de operações da GRU Airport, Cmte. Miguel Dau.

Os aeroportos da América Latina e do Caribe adaptaram seus procedimentos às recomendações do CART da ICAO e às melhores práticas do setor. O ACI Airport Health Accreditation dá aos aeroportos a oportunidade de demonstrar aos passageiros, funcionários, reguladores e governos que os aeroportos estão priorizando a saúde e a segurança de uma forma mensurável e estabelecida, ao mesmo tempo que validam suas próprias medidas e processos”, disse o Dr. Rafael Echevarne, Diretor Geral da ACI-LAC.

Ambiente seguro

Como forma de oferecer bem-estar e segurança aos viajantes durante este momento de pandemia, a GRU Airport implantou diversas medidas preventivas, conforme orientações da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), para conscientizar e prevenir a transmissão de covid-19 no aeroporto. Entre as ações adotadas, cabe destacar as sinalizações indicando as regras de distanciamento social e uso de máscaras faciais, instalação de mais de 70 dispensers de álcool gel em pontos de maior circulação de pessoas, possibilidade de consultar o painel de voos por meio de QR Code para evitar aglomerações nas áreas próximas às telas informativas e, como medida adicional às recomendadas pelo órgão oficial, aferição de temperatura nos controles de acesso aos embarques.

Informações do GRU Airport

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Avião Mitsubishi SpaceJet M90

Mitsubishi confirma paralisação do projeto concorrente do Embraer E2

0
A Mitsubishi afirmou que a situação atual do desenvolvimento do jato regional e as condições do mercado não deixam opção a não ser parar.