Guindastes irregulares obrigam aeroporto a fechar sua principal pista de pousos

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Foto meramente ilustrativa – Liebherr (Divulgação)

A segurança da aviação deve ser uma preocupação primária de todos os atores que trabalham próximos de aeroportos e é pior ainda quando a licença concedida não é devidamente respeitada. Um caso incomum, mas perigoso, aconteceu na semana passada, envolvendo o principal aeroporto de Israel.

O terminal, localizado nos arredores de Tel Aviv, fechou sua principal pista de pouso devido a enormes guindastes colocados indevidamente em um canteiro de obras privado próximo à cabeceira, reportou a agência estatal chinesa de notícias Xinhua, com base em um comunicado da Autoridade Aeroportuária de Israel (IAA).

É verdade que o aeroporto internacional Ben Gurion não está vendo muito voos nos últimos dias, já que quase todos os serviços regulares de passageiros estão suspensos por determinação do governo israelense, mas ainda assim há voos de carga e outros com autorizações especiais.

Segundo o IAA, os guindastes, de 71 metros de altura cada um, colocaram em risco os aviões em procedimento de pouso e, por conta disso, uma das três pistas do aeroporto foi fechada temporariamente. 

Os guindastes foram montados nos últimos dias como parte de um projeto imobiliário na cidade de Or Yehuda. O projeto prevê a construção de 400 mil metros quadrados e 13 torres de escritórios, lojas, hotel, parque e lago artificial.

“A altura e a localização dos guindastes são diferentes do que está declarado na licença emitida ao empreiteiro pela Autoridade de Aviação Civil. Isso é uma infração de construção e um sério risco à segurança”, disse o IAA.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Governo Dória publica edital de concessão para 22 aeroportos regionais paulistas

0
O Governo de SP lança o edital de concorrência internacional para leilão da concessão dos 22 aeroportos regionais, atualmente administrados