História: o vídeo do Boeing 747 que acidentou-se duas vezes e continuou ativo!

Vídeo acidente 747 Pan Am N732PA

O Boeing 747-121 de número de série 19638 e número da linha RA003 fez seu primeiro voo em 11 de julho de 1969. A aeronave foi utilizada pela Boeing para testes de voo e certificação.

Após a conclusão dos testes, o Jumbo foi levado para a planta da Boeing no aeroporto de Renton, onde seria apenas modificado para os padrões de produção e depois entregue ao novo proprietário, a Pan American World Airways. Seria apenas modificado, mas…

Ao pousar na pista 15 no aeroporto de Renton, às 11h11 de 13 de dezembro de 1969, o Boeing 747 atingiu um aterro cerca de 6 metros antes da cabeceira da pista, conforme você verá no vídeo ao final.

Nenhum dos 11 funcionários da Boeing a bordo ficou ferido. Os motores número 3 e 4 foram danificados e pegaram fogo. O trem de pouso direito foi arrancada, mas mantido pendurado na asa por ligações e atuadores. Os flaps da asa direita foram danificadas e a superfície inferior da asa direita foi perfurada. Os incêndios foram rapidamente extintos.

O Jumbo de matrícula N732PA foi então consertado e finalmente entregue à Pan-Americana em 13 de julho de 1970, batizado de Clipper Storm King, e mais tarde renomeado para Ocean Telegraph.

Mas parece que a aeronave nasceu com uma sina. Este não seria o único acidente grave de sua história.

A Pan Am operou o avião por quase 21 anos, quando foi então vendido à Evergreen International Airlines, em 1 de julho de 1991. Convertido em um cargueiro aéreo no depósito de manutenção da Evergreen em Marana, na Arizona, foi registrado novamente como N475EV.

Boeing 747 Evergreen N475EV

E apenas 6 meses depois, em dezembro de 1991, o Jumbo enfrentaria um mergulho quase mortal sobre o Canadá após um problema de instrumentos, conforme você poderá ver após o vídeo.

A Evergreen o recuperou após a ocorrência e voou com o N475EV até ser vendido à Tower Air, em 13 de setembro de 1994. Sob nova propriedade, o Boeing 747 foi novamente registrado como N615FF.

Em 3 de agosto de 2000, o 747 passou para a Kalitta Equipment LLC mantendo o mesmo registro, que foi cancelado em 30 de junho de 2017.

Veja a seguir o vídeo do acidente de 1969, e logo após o vídeo, confira a história do segundo acidente desse peculiar Jumbo!

Informações pelo This Day in Aviation.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.