Homem que ‘se divertia’ atacando aviões com laser verde pega 18 meses de prisão

Após ser denunciado por pilotos, um homem do estado americano da Geórgia acabou condenado a 18 meses de prisão por apontar um potente laser na direção de aviões comerciais. A investigação começou em fevereiro de 2020 depois que a Federal Aviation Administration (FAA) contatou o FBI para investigar três ataques a aeronaves que chegavam ao Aeroporto Internacional Savannah-Hilton. 

Além de ser um crime federal nos EUA, esses ataques de laser podem ser muito perigosos para os viajantes aéreos, pois pode desorientar os pilotos e cegá-los temporariamente. Felizmente, após as denúncias, um dos pilotos ajudou a rastrear a origem dos ataques, o que levou à identificação do homem, de 48 anos, que foi então interrogado por agentes do FBI. Ele admitiu a responsabilidade por todos os incidentes.

Segundo a Fox News, os registros do tribunal ainda indicam que ele esteve envolvido com outros incidentes, em Chicago e Atlanta, o que o torna um criminoso contumaz, apenas pela diversão de apontar o forte laser na direção das aeronaves.

“Com a ajuda do público, o FBI fez um excelente trabalho ao identificar Roger Hendricks como o homem responsável por mirar um laser poderoso na aeronave Savannah que se aproximava”, disse David H. Estes, procurador-geral em exercício do Distrito Sul da Geórgia.  Além de sua pena de prisão, Hendricks foi condenado a cumprir mais três anos de liberdade supervisionada

Durante os 18 meses, o infrator não será elegível para libertação antecipada, pois não há liberdade condicional no sistema federal americano. Uma brincadeira perigosa que custou a liberdade do homem.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Aberto ao público, começa hoje o 1º encontro nacional da indústria...

0
Em formato híbrido, com atividades virtuais e presenciais, o 1º evento do setor aeroportuário oferece uma programação inovadora.