Homens em despedida de solteiro “causam o terror” em voo para Ibiza

Os passageiros do voo FR6605 da Ryanair, voando de Edimburgo para Ibiza viveram momentos de grande nervosismo como resultado do comportamento “agressivo” e “intimidativo” de um grupo de 30 passageiros que voavam para a uma despedida de solteiros. De acordo com o jornal britânico The Mirror, os homens já chegaram embriagados ao voo, e continuaram bebendo a bordo. A tripulação teve pulso firme ao lidar com a situação.

Além falar alto usando linguagem obscena, o grupo “causou terror” a bordo. Um dos membros do parecia especialmente agressivo e ofendeu a tripulação com frases homofóbicas, enquanto outro simulou que estava tentando abrir a porta em pleno voo, deixando os outros passageiros nervosos. Os passageiros reportam que a tripulação jogou o trolley na frente do rapaz para fazer com que ele parasse de mexer na porta.

Enquanto em voo, eles mexiam com outros passageiros e, com extremo mal gosto, se referiam de forma maldosa às mulheres, chegando a sentar no colo de algumas. Outros iniciaram uma espécie de “guerra de bebidas” molhando-se mutuamente e aos outros passageiros, alguns não deixavam as pessoas usarem o banheiro.

Um dos passageiros relatou: “assim que entramos no avião, percebemos que teríamos um problema. Senti pena da tripulação de cabine, mas eles controlaram o incidente muito bem”. Ela complementou, “em um determinado momento, um dos homens começou a socar o avião e gritar que queria sair, andando em direção à saída. Eu cheguei a pensar que ele abriria a porta, fiquei apavorada. Haviam crianças chorando”.

Quando o avião pousou no aeroporto de Ibiza, o piloto pediu para que todos continuassem em seus assentos, enquanto a Guarda Civil Espanhola cercava a aeronave. Os oficiais subiram a bordo e detiveram os dois membros do grupo que causaram maior disrupção. Um dos homens ainda tentou fugir correndo em direção à pista, mas foi detido por outros agentes que estavam no pátio.

Os voos entre a Grã Bretanha e as regiões de praia do Mediterrâneo são complicados por que muita gente se confunde e acaba começando a farra antes da hora. Assi., notícias como essa vira e mexe acontecem.

Com informações do The Mirror e The Daily Mail

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.