Iberia alega que é controlada pelo El Corte Inglés para provar nacionalidade

A companhia aérea espanhola Iberia tem apostado no mercado financeiro para provar para a Comissão Europeia que é uma legítima empresa espanhola, e para isso ironicamente apontou ser controlada por uma loja de departamento com referência britânica.

Na véspera do Natal a comissão da União Europeia (UE) alertou que a aérea espanhola é controlada pelo grupo IAG, sediado em Londres e atualmente controlado majoritariamente por capital britânico e estrangeiro.

O grupo IAG é o resultado da fusão da British Airways e da Iberia. No caso da saída do Reino Unido do bloco sem acordos comerciais multilaterais (o chamado Hard Brexit), a companhia aérea espanhola não poderá realizar voos em países membros da União Europeia (UE).

Em sua defesa, a Iberia alega que 50% de suas ações políticas (ações ordinárias e que dão direito a voto) pertencem à El Corte Inglés, a maior rede de lojas de departamento da Europa e conhecida por seus produtos de luxo.

Apesar do nome ter referencia total à Inglaterra, é uma empresa totalmente espanhol com mais de 100 lojas na Península Ibérica.

Caso a Comissão Europeia considere válida a argumentação da Iberia, a empresa poderá continuar operando voos domésticos e internacionais na Espanha mesmo em caso de Hard Brexit.

Com informações do El País

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos