Assim ficou o interior do avião Jumbo Boeing 747 que pegou fogo

Conforme acompanhamos na última segunda-feira, 23 de novembro, um Boeing 747 que voava pela British Airways e que estava estocado no Aeroporto de Castellón, na Espanha, acabou pegando fogo por razões ainda não conhecidas.

A aeronave atingida é o 747-400 registrado sob a matrícula G-CIVD, fabricado em 1994 e entregue direto para a empresa britânica, e que desde 2014 recebeu os adesivos e pintura alusiva à aliança de companhias aéreas oneworld.

A British Airways aposentou o Jumbo em agosto deste ano, e o mesmo repousava em Castellón até ter um novo destino definido, fosse ele o uso por outra empresa aérea, a conversão para cargueiro ou o desmanche completo.

O aeroporto disse ontem que nenhuma pessoa ficou ferida e que a situação já havia sido rapidamente controlada pelos bombeiros locais, porém, agora imagens do interior da aeronave mostram que o 747 foi bastante afetado, conforme já era de se suspeitar pelas gravações externas durante o incêndio.

Conforme se vê nas imagens acima, o fogo foi tão intenso que, além de destruir todo o interior na região do cockpit, ainda resultou em grandes danos à superfície metálica da fuselagem.

Se ainda havia alguma possibilidade deste Jumbo ainda voltar a voar, parece que este incêndio foi seu fim definitivo.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias