Inesperado, Jumbo da Lufthansa é retirado do aeroporto onde ficaria estocado

O Jumbo decolando hoje, como você verá em vídeo abaixo

Em um movimento inesperado, os últimos dias foram de novidades nos capítulos da novela dos Boeings 747-400 da Lufthansa estocados desde o meio de 2020 no aeroporto de Twente, na Holanda.

Após a companhia ter feito a retirada de serviço em 2020 por conta da pandemia, os aviões foram enviados para o pequeno aeroporto holandês sob uma licença de pouso para desmontagem, porém, posteriormente foi revelado que eles apenas ficariam estocados, e não seriam realmente desmontados.

Diante de um pedido para decolagem de três dos seis aviões, as autoridades da Holanda inicialmente negaram a autorização, por conta da infraestrutura local não ser condizente com uma decolagem de um Jumbo no pequeno aeroporto. Porém, após tratativas, a autorização foi concedida sob a condição de uma inspeção técnica especial que garantisse a segurança da partida.

As três aeronaves então decolaram, e as outras três permaneceram, entretanto, com prazo limite de 30 de junho de 2021 para sua retirada. Com a data se aproximando, recentemente o aeroporto de Twente requisitou na justiça uma ampliação do prazo, justificando que a estocagem gera receitas mensais de aluguel, e que a saída prematura quebraria o contrato de estocagem, resultando em multas.

Tal requisição foi considerada procedente pela justiça no final de semana passada, o que sugeria que os três grandes Boeings 747-400 permaneceriam ainda por longo tempo no aeroporto.

Mas, nesta segunda-feira, 26 de abril, estranhamente um dos aviões deixou Twente. A partida foi acompanhada por dezenas de entusiastas, que gravaram a decolagem:

O próprio aeroporto de Twente também publicou hoje em seu perfil no Twitter uma imagem com o Jumbo decolando, e comentou sobre a partida:

O aeroporto descreveu na publicação que o Boeing 747 de matrícula D-ABTK estaria indo para o aeroporto de Teruel, na Espanha, também conhecido como um destino de estocagem de aviões. Apesar disso, dados de rastreamento radar mostram que ele não foi para lá.

O voo de número LH-9921 do Jumbo pousou, na verdade, em Frankfurt, base da Lufthansa na Alemanha.

O Jumbo voando hoje entre Twente e Frankfurt – Imagem: FlightRadar24

É plausível considerar que a aeronave apenas tenha sido levada a Frankfurt para reabastecimento, já que Teruel fica muito mais longe de Twente, o que exigiria uma decolagem com mais peso de combustível, algo indesejado diante das limitações do aeroporto holandês.

O mesmo aconteceu com os 747 anteriores, que foram até Frankfurt e depois decolaram em direção aos Estados Unidos, para aeroporto localizado no desderte de Mojave.

Enquanto nenhum comunicado oficial é apresentado sobre a movimentação de hoje, as próximas horas ou dias devem comprovar ou não se o Jumbo partirá de Frankfurt para Teruel.

Ainda segundo a publicação do aeroporto de Twente, os dois 747-400 restantes “ainda permanecerão por algum tempo” por lá.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias