JetBlue negocia compra de jatos com Embraer e Bombardier

© USA Today

A aérea americana JetBlue encontrou nos últimos dias com a fabricante canadense Bombardier para negociar uma nova encomenda de jatos. A companhia também teria se reunido com a brasileira Embraer para avaliar os jatos E2.




Atualmente a aérea fundada pelo brasileiro David Neeleman possui 60 jatos Embraer E190 e foi a cliente-lançadora do modelo no mundo. Os jatos E190 da JetBlue também ajudaram a fundar a Azul Linhas Aéreas Brasileiras, que no início operou jatos emprestados pela irmã americana.

Agora a companha avalia substituir estes 60 jatos, além de decidir sobre as 24 encomendas ainda pendentes com a Embraer. Na manhã desta terça-feira o E190-E2 demonstrador foi de Chicago para Nova Iorque, pousando no JFK e seguindo direto para o hangar da JetBlue.

Fontes informaram ao AeroIN que seria uma apresentação do E2 para a companhia. A data não foi escolhida à toa: o jato foi certificado hoje pela FAA, EASA e ANAC.

A Bombardier estaria oferecendo o CSeries CS100 e CS300, em parceria com a Airbus, que fornece os jatos A320 e A321 para a JetBlue, que possui quase 100 encomendas dos modelos Neo. A aérea por sua vez disse que “está olhando um grande leque de opções desde manter a frota atual até uma substituição por completo por um modelo alternativo”.

Com informações da Reuters

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos