JetSmart recebe $ 6 bi para abrir empresas aéreas no Brasil e Peru

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Airbus A320 JetSmart

A companhia aérea chilena JetSmart concluiu um aumento de capital de mais de $ 6 bilhões de pesos chilenos, de acordo com um documento publicado no Diário Oficial do seu país na semana passada.

Segundo a versão impresa do El Mercurio, a empresa ligada ao fundo de investimentos Indigo Partners explicou que a operação está em linha com os planos de abertura de novos mercados que a empresa planejou; entre eles, Brasil e Peru.

Ao jornal, a empresa disse que “o aumento de capital é uma notícia muito positiva, pois reafirma o compromisso dos nossos acionistas em dar sustentabilidade econômica à empresa e apoiar o plano de desenvolvimento de longo prazo, em um momento tão difícil para o setor aéreo. Sem dúvida, nos permite contar com com o capital de giro necessário para cumprir os objetivos que nos propusemos, por exemplo, entrar em novos mercados”.

Chegada no Brasil depende da economia

Em entrevista à Bloomberg Law, o CEO Estuardo Ortiz afirma que a empresa manteve os planos de abrir uma filial no Brasil e também na Colômbia (além do Peru). “Porém, tudo depende de como a pandemia irá avançar e afetar a indústria”, disse o CEO em referência a crise do setor aéreo brasileiro causada pelo coronavírus.

Recentemente, a JetSmart abriu uma filial no Peru para operar voos domésticos. Além disso, tem quatro aviões na filial argentina, onde adquiriu a operação da Norwegian Air Argentina.

No Brasil, a empresa ainda não tem grande presença, mas recentemente solicitou rotas ligando Santiago do Chile a Foz do Iguaçu, Salvador e São Paulo, a começar de outubro desse ano, como falamos recentemente.

ERRATA: mencionamos originalmente US$ 6 bi, mas o correto são $6 bi de pesos chilenos. O jornal chileno não informava a moeda.

Receba as notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Homem ataca guarda no aeroporto e declara: “vai estar tudo nas...

0
No último sábado (28) à noite, um soldado da Guarda Nacional de Porto Rico foi atacado por um passageiro que chegava depois