LATAM anuncia início do voo direto entre Santiago e Sydney

O Grupo LATAM Airlines anuncia o início da venda de passagens aéreas para o seu novo voo direto entre Santiago (Chile) e Sydney (Austrália).

Avião Boeing 787 LATAM

O novo serviço será operado por aeronaves Boeing 787-9 a partir de 27 de outubro de 2019. A LATAM vai operar três voos semanais diretos entre as duas cidades, o que reduzirá de 7 para 4 frequências semanais o número das operações com escala em Auckland.

Com o novo itinerário, a LATAM continuará oferecendo diariamente a rota entre a capital chilena e a cidade mais populosa da Austrália, com conexões para destinos asiáticos como Tóquio, Cingapura, Seul e Hong Kong.

O voo também complementará a operação sem escalas da LATAM entre Santiago e Melbourne, inaugurada em outubro de 2017. Todos os voos da LATAM de e para a Oceania são operados por aeronaves Boeing 787.

O voo LA803 decolará de Santiago à 1h30 das quartas, sextas e domingos, com pouso em Sydney às 6h15 do dia seguinte, com duração total de 14 horas e 45 minutos. O voo de retorno LA802 decolará de Sydney às 10h das segundas, quintas e sábados, para pousar em Santiago às 9h15 do mesmo dia, com duração total de 13 horas e 15 minutos (todos horários locais).

O voo Santiago-Auckland-Sydney

A partir de 27 de outubro de 2019, o voo LA801 (Santiago-Auckland-Sydney) será operado às segundas, terças, quintas e sábados, com decolagem de Santiago à 0h40 e pouso em Auckland às 5h05. Na sequência, decolará para Sydney às 7h40 com pouso final às 9h15.

O voo de retorno LA800 decolará de Sydney às 11h10 das terças, quartas, sextas e domingos, com pouso em Auckland às 16h15. Na sequência, decolará para Santiago às 18h10 com pouso final às 13h05 do mesmo dia (todos horários locais).

Informações pela LATAM.

Qantas pressiona Airbus e Boeing sobre a aeronave para Sydney-Londres sem escala

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.