LATAM e AZUL refutam veementemente a matéria da CNN Brasil sobre fusão

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Nesta terça-feira (16), a CNN Brasil fez uma matéria em que fala de uma entrevista com Jerome Cadier, presidente da Latam, feita logo após o anúncio do acordo de codeshare de sua empresa com a Azul. A CNN afirma que o executivo confirmou a possibilidade de fusão, o que está sendo refutado veementemente pelas aéreas.

A matéria da CNN irritou tanto a LATAM Brasil quanto a AZUL, que não reconhecem, nesse momento, a possibilidade de fusão. Segundo a primeira, a fala de Cadier foi tirada de contexto e ele não teria aventado a possibilidade de uma união de operações completa.

A AZUL não se pronunciou, mas fontes na empresa dizem que a matéria da CNN não refere-se à realidade do que foi dito por Cadier. A LATAM Brasil, por sua vez, emitiu uma pequena nota para colocar seu lado em contexto. A empresa aérea diz assim:

“A entrevista concedida pelo CEO da LATAM Brasil, Jerome Cadier teve foco no acordo de codeshare entre Azul e Latam, que oferecerá aos clientes do Brasil oportunidades de conexão novas e mais convenientes. Quando questionado sobre a possibilidade de fusão – se estaria ou não descartada –  o executivo ponderou que “neste momento a empresa está focada na operação, o codeshare já é um passo bastante relevante para os passageiros que querem voar no Brasil – de oferecer serviços que possam beneficiar o passageiro, sobretudo para melhoria de sua eficiência”.

Ficam então os dois lados expostos, haja visto que a CNN Brasil até agora não ajustou sua matéria, e segue afirmando que o executivo da empresa aérea teria confirmado que a fusão é uma carta na mesa.

Esse assunto ainda vai longe.

A matéria ainda está no site da CNN

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias