LATAM implementa novo processo de embarque

A LATAM Airlines Brasil informa que, a partir de hoje, implementará, gradualmente, uma nova forma dos passageiros embarcarem nas aeronaves.

Os clientes serão divididos em seis grupos, informados nos bilhetes, e cujos números determinarão a ordem que poderão ingressar no avião. Passageiros que requerem assistência especial continuarão tendo prioridade na hora do embarque. 

“Esta nova forma de embarcar – uma prática da indústria – promoverá ainda mais fluidez a todos os passageiros na hora de entrar no avião”, diz Rafael Walker, diretor de aeroportos da LATAM Airlines Brasil. “Além disso, como maneira de sempre aprimorarmos a experiência dos clientes LATAM Fidelidade, faremos com que estes clientes embarquem em grupos menores e de acordo com a sua categoria do programa”, completa. 

Clientes que viajam em grupos em um só código de reserva podem embarcar juntos, de acordo com o passageiro com maior prioridade. 

Implementação

São Paulo/Guarulhos, São Paulo/Congonhas e Brasília serão os primeiros aeroportos no Brasil a implementar a nova forma de embarcar, no dia 24. Amanhã, no dia 25, será a vez de Porto Alegre, Curitiba, Rio de Janeiro/ Santos Dumont, Rio de janeiro/ Galeão, Confins, Salvador, Recife, Fortaleza, Foz do Iguaçu, Florianópolis, Vitória, Goiânia, Natal, Belém e Manaus.  Em julho, as demais cidades em que a LATAM opera no Brasil passarão a adotar este procedimento. 

Para auxiliar os passageiros na adaptação deste novo processo, a LATAM atualizará a sinalização dos aeroportos e informará os passageiros via e-mail, por meio site e por canais digitais, incluindo um tutorial em vídeo.

Além do Brasil, os demais mercados que o Grupo LATAM opera também implementarão este tipo de embarque. 

Grupos de embarque: 

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Comandante de avião sobrevive após 243 dias em hospital lutando contra...

0
Um comandante que adoeceu com Covid-19 em março de 2020, enquanto estava em Houston, no Texas, passou um recorde de 243 dias