Latam lançará sua rota mais longa, com 15 horas de voo e operada pelo 787

O braço chileno da companhia aérea LATAM anunciou uma nova rota sem escalas de Santiago do Chile para Frankfurt, Alemanha. Essa será a rota mais longa a ser operada pela empresa aérea latina.

Avião Boeing 787 LATAM

Hoje, a Latam Chile já opera um voo nesta mesma rota, no entanto, ele para em Madri. O novo voo, por sua vez, elimina essa parada. A operação tem data prevista de início para 30 de junho e, de início, funcionará três vezes por semana nas terças, quintas e sábados.

Talvez a maior curiosidade da rota não seja o trajeto em si, mas sim o fato de ser a maior ligação sem escalas do grupo Latam com um tempo de voo de 14 horas e 20 minutos na ida e 15 horas e 15 minutos na volta para Santiago – são 12.083 quilômetros. Ela também será a rota mais longa partindo do Aeroporto de Frankfurt, superando Buenos Aires.

Esses novos voos serão operados por aeronaves Boeing 787-8 Dreamliner com 30 assentos na classe Business e 217 assentos na Econômica. Em nota, o vice-presidente de Planejamento de Rede da Latam disse que a nova rota reduzirá significativamente o tempo de voo entre as cidades, evitando a escala em Madri e melhorando a conectividade entre os dois países.

O Grupo Latam foi formado após a fusão da LAN Chile e da TAM Brasil em 2012 para criar o maior grupo aéreo da América do Sul. Opera uma frota combinada de mais de 330 aeronaves tanto da Airbus quanto da Boeing em voos pelas Américas, bem como para a Oceania, África, Europa e Israel.

Carlos Ferreira

É profissional de marketing e pesquisador de temas relacionados à aviação há quase duas décadas. Leva a câmera fotográfica para onde vai e faz mais fotos de aviões do que dos passeios. Responsável pela linha editorial da revista eletrônica AEROIN.net.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.