LATAM suspende 5 rotas de longo alcance até outubro; 4 delas partem do Brasil

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Num contexto em que o mercado internacional demorará a se recuperar devido às contínuas restrições governamentais à circulação de pessoas, a LATAM decidiu remanejar uma série de destinos de longa distância onde a demanda é considerada baixa.

Segundo nosso parceiro Aviacionline conta, a companhia aérea informou que, entre 28 de março e 30 de outubro, suspenderá as seguintes rotas:

– Lima para Barcelona
– São Paulo para Barcelona
– São Paulo para Joanesburgo
– São Paulo para Milão
– São Paulo para Tel Aviv

De qualquer forma, as vendas estão encerradas para esses voos e, originalmente, era esperado que pudessem retornar no meio do ano. O retorno a esses mercados dependerá da evolução da situação a nível regional e global.

A empresa confirmou que os passageiros atingidos terão proteção para não perderem os seus bilhetes com a possibilidade de viajarem através de outra empresa.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias