Aeroporto de Los Angeles começa a permitir embarque de maconha

A curtição na Califórnia irá continuar nos voos: o maior aeroporto do estado americano agora permite o embarque de maconha como bagagem de mão ou despachada.

Aeroporto Los Angeles LAX




A autorização por parte da administradora (Los Angeles World Airports) e da polícia do aeroporto (LAX PD) segue a Proposition 64, que legalizou o uso da maconha no estado para fins recreativos. Antes disso o uso era apenas permitido para fins medicinais (o que na prática liberava a venda de maconha para qualquer cidadão).

Agora, o passageiro com 21 anos ou mais que tiver portando até 28,5 gramas de maconha ou 8 gramas da planta concentrada podem embarcar. Mas ainda não está claro se a regra irá valer, porque nos EUA quem faz a inspeção de segurança é a TSA – Transport Safety Agency. E por ser uma agência federal, a TSA não segue as leis estaduais, como esta que libera a droga.

Mas, ao mesmo tempo, pessoas que trabalham no LAX consultadas pelo AeroIN informaram que o embarque deve ser liberado se a pessoa seguir os procedimentos atuais para abordagem de passageiro com droga.

“O foco da TSA é algo que possa derrubar um avião como uma bomba, ou algo que possa ferir algum passageiro como uma faca ou ácido. A partir do momento que eles localizam alguma droga (e assim como é no Brasil), eles acionam a autoridade local, que no caso é a LAX PD, que assume a situação. Como a polícia local autoriza o embarque com maconha dentro de certas condições, a pessoa deve ser liberada”, declarou um agente de segurança do aeroporto.

A medida começou a valer desde ontem (27) e, até agora, não houve nenhum relato de passageiro que conseguiu ou que não conseguiu embarcar no aeroporto portando maconha.

Outro ponto relevante é o destino: o passageiro pode embarcar normalmente, mas se estiver indo para fora do país ou algum estado em que seja crime o uso da maconha, como Idaho, o mesmo poderá ter problemas ao pousar.

Com informações do canal NBC 7 – San Diego.

Spirit tem planos para o Brasil e considera adquirir Embraer e Boeing

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos