Líquido vaza de caixão levado em voo da Gol e danifica bagagens de passageiros

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Um caso inusitado aconteceu num voo da Gol para o Norte do país, depois que um líquido saiu de um caixão que estava sendo transportado no porão de carga de uma aeronave e atingiu as bagagens, contaminando-as.

O fato ocorreu durante o voo GOL-1894, de Brasília para Porto Velho, no último domingo, dia 10 de janeiro, e os passageiros encontraram suas malas encharcadas com um líquido após o desembarque, que segundo o portal Lente Nervosa era oriundo de um caixão que estava sendo transportado no Boeing 737 da companhia.

A informação foi posteriormente confirmada ao AEROIN por funcionários que trabalham no aeroporto de Porto Velho, mas que não quiseram se identificar.

Segundo o relato, as malas que estavam mais danificadas pelo líquido foram retidas e os proprietários chamados no check-in para explicar a situação. Outras malas, menos contaminadas, tiveram uma limpeza com álcool em gel e outros produtos de limpeza. As medidas tomadas com as malas mais afetadas não foram informadas.

O vazamento teria ocorrido por um suposto mal acondicionamento do cadáver, que normalmente é transportado em caixões que vão dentro de outra caixa, algo praticamente imperceptível para o passageiro que embarca na aeronave. A responsabilidade pelo acondicionamento não é da companhia aérea, mas da funerária ou outro agente contratado para o serviço.

Entramos em contato com a GOL Linhas Aéreas para entender melhor o assunto, e a empresa enviou a seguinte nota:

A GOL registrou pequenos danos no transporte de um esquife no voo G3 1894 (Brasília – Porto Velho), no último domingo (10/1). Em linha com a Segurança, nosso valor número 1, e as melhores práticas, todas as bagagens foram verificadas e higienizadas de acordo com orientações dos órgãos sanitários, para serem entregues aos Clientes.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

China Eastern fecha primeiro pedido formal do Comac C919, o ‘A320ceo...

0
A China Eastern Airlines, o cliente lançador do jato COMAC C919, assinou um pedido firme com a fabricante de aeronaves estatal na segunda