Lufthansa avalia compra da Alitalia, Norwegian ou Wizz Air

A companhia aérea alemã Lufthansa segue seus planos de expansão do seu grupo. Para fazer frente à concorrência, está analisando agora a compra de uma concorrente.

A favorita é a Alitalia, empresa que há anos passa por dificuldades financeiras e tinha como um dos principais investidores a Etihad Airways dos Emirados Árabes Unidos.

Não é de hoje que a alemã considera comprar a italiana, mas agora uma proposta teria sido feita para adquirir a maioria das ações da companhia e, no futuro, ser uma empresa 100% do grupo Lufthansa.

O único entrave é o governo. A Lufthansa faz questão que o governo italiano não seja acionista. A exigência é para facilitar o processo de reestruturação da companhia, que deve incluir cortes de até 3 mil funcionários.

A nova proposta vem após rumores de que a Delta estaria costurando uma aliança com o grupo Air France-KLM para comprar uma parte minoritária da Alitalia. O grupo franco-holandês é o principal adversário da Lufthansa.

Norwegian e Wizz Air

Caso a operação com a Alitalia não se conclua, a segunda opção seria a Norwegian. A Lufthansa estaria muito interessada na rede transatlântica da low-cost escandinava e também sua moderna frota de Boeings 787 Dreamliner.

O grupo IAG formado pela British e Iberia também estaria apostando na Norwegian. Porém o CEO da low-cost, Bjørn Kjors, afirmou que ninguém está querendo pagar o preço “certo”.

Por último e para muitos a compra mais próxima da realidade é a também low-cost Wizz Air da Hungria. A empresa tem aumentado o número de voos para o Reino Unido após a falência da Monarch e seria de grande uso para a Lufthansa expandir sua malha pelo leste europeu.

Com informações da Reuters.

Carlos Martins

Despertou a paixão pela aviação em 1999 em um show da Esquadrilha da Fumaça. Atualmente é Piloto Comercial, Despachante, Bacharel em Ciências Aeronáuticas, membro da AOPA e veterano da Western Michigan University #GoBroncos