Mais 20 Embraer E175 entram na United em 2020, no lugar dos jatos CRJ700

A United Airlines adicionará 20 Embraer E175 à sua frota regional em 2020, em complemento à adição dos Bombardier CRJ550 de menor capacidade, o que permite adicionar mais jatos regionais maiores.

Avião Embraer E175 United Express
Embraer E175 da United Express

Segundo o The Points Guy, a Mesa Airlines, parceira da United Express, operará os 20 E175, que serão entregues em um layout de 70 assentos, informou nesta terça-feira a companhia regional de Phoenix, nos Estados Unidos. As entregas ocorrerão de maio até o final do próximo ano.

O E175 substituirá, um por um, os 20 jatos regionais Bombardier CRJ700 mais antigos operados pela Mesa. Esses jatos serão alugados para outra transportadora da United Express, supostamente para a GoJet Airlines. Os CRJ550 possuem um layout de 50 assentos com 10 assentos de primeira classe.

A United apresentou o CRJ550 em outubro, tendo lançado-o em voos a partir do hub Chicago O’Hare da companhia aérea. Os jatos fazem parte de um esforço para reter viajantes premium de alta rentabilidade, mas mantendo sua frota regional em conformidade com as restrições de seu contrato com os pilotos, que restringe o número de E175 possíveis.

Avião Bombardier CRJ 550
Jato CRJ550, que agora pertence à Mitsubishi e não mais à Bombardier

Limitações das Scope Clauses

O contrato de pilotos da United limita a companhia a utilizar no máximo 255 jatos regionais maiores, ou seja, aqueles equipados com 70 a 76 assentos e cabines de primeira classe. Os executivos costumam dizer que a companhia aérea está em desvantagem competitiva devido a essa restrição, uma vez que os contratos de seus concorrentes American Airlines e Delta Air Lines lhes permitem voar até cerca de 325 jatos.

Esses jatos maiores, incluindo o E175, são mais populares entre os passageiros do que os modelos de 50 lugares, devido às cabines geralmente maiores, comodidades como Wi-Fi a bordo e o fato de que a maioria das malas pode ser transportada a bordo.

O CRJ550 é uma solução alternativa para esses limites contratuais de grandes jatos regionais da United. Os aviões também começarão a voar a partir de seu hub Newark Liberty em fevereiro e Washington Dulles em março.

A United antecipou a entrega de CRJ550 de tal forma que 54 novas unidades estarão em sua frota regional de menor porte até o final do próximo ano, quando então a Mesa operará exclusivamente E175 na frota regional de maior porte da United, totalizando 62 aeronaves do modelo da Embraer.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.