‘Mais um, menos um’ Airbus A350 na frota da Latam

Voou para Victorville, na Califórnia, mais um Airbus A350 que pertenceu à Latam Brasil. Isso significa que é menos um jato do modelo na frota da empresa, que está devolvendo todos eles, num movimento de padronização da frota de jatos widebody.

Dessa vez, o jato que partiu foi o PR-XTC (msn 035), o nono do modelo a ir embora do Brasil. Com mais essa devolução, restam por aqui apenas quatro A350, que também serão devolvidos nas próximas semanas.

Esse avião, em específico, foi parte encomenda original da então TAM Linhas Aéreas e chegou ao Brasil em maio de 2016, ainda com as cores da empresa aérea da qual Rolim Amaro foi um dos fundadores. Tempos depois, recebeu as cores da Latam e seguiu voando em suas rotas internacionais partindo de São Paulo, até ser retirado de operação em fevereiro de 2021.

Em seu derradeiro voo com as cores da Latam, a aeronave partiu de Guarulhos como voo JJ-9543, como mostram os dados da plataforma de rastreamento de voos Radarbox, abaixo.

Foi embora

No começo de abril, você acompanhou a decisão da LATAM Brasil de remover todos os seus jatos do modelo, caminhando rumo a uma frota widebody totalmente composta por jatos da Boeing. Esse é o sétimo Airbus A350 a deixar a frota da Latam Brasil após o anúncio de abril.

Por serem aeronaves de última geração e muito novas, em breve todos eles devem encontrar novos donos. Já é sabido que a Delta Air Lines ficará com sete deles, pelo menos.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias