Malaysia Airlines avalia seu pedido de 25 Boeings 737 MAX

A Malaysia Airlines está analisando seu pedido de 25 jatos Boeing 737 MAX “com muito cuidado” à luz da suspensão global de operações.

Boeing 737 MAX 8 Malaysia
Concepção artística do 737-8 MAX da Malaysia Airlines – Imagem: Boeing

Os planos para a primeira entrega em julho de 2020 podem ser adiados, disse o CEO da companhia, Izham Ismail, na segunda-feira. “Acho que nossa introdução do MAX em serviço vai ser postergada. Estamos em discussão com a Boeing.”

A Malaysia Airlines tem tentado transformar suas operações enquanto se recupera de duas tragédias em 2014, quando o voo MH370 desapareceu no que permanece um mistério e o voo MH17 foi abatido sobre o leste da Ucrânia.

A empresa aérea vem perdendo participação no mercado doméstico para a rival AirAsia, de baixo custo, e enfrenta forte concorrência no sudeste asiático. Qualquer possibilidade de introduzir mais incertezas a seus clientes deverá ser avaliada com muita cautela para companhia.

Murilo Basseto

Formado em Engenharia, foi um dos líderes do Urubus Aerodesign da Unicamp e um dos responsáveis por alçar o grupo à elite mundial da engenharia aeronáutica universitária. Atualmente é Editor-Chefe do AEROIN.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.