Início Empresas Aéreas Em meio à crise, número de Boeings 747 de carga em voo...

Em meio à crise, número de Boeings 747 de carga em voo impressiona no radar

Se a aviação está de luto pelo fim, cada vez mais próximo, da operação do Boeing 747 na versão de passageiros nas frotas de muitas companhias aéreas, o mesmo não pode ser dito em relação às versões cargueiras do clássico e bem-sucedido Jumbo.

Avião Boeing 747-400F KLM Cargo
Boeing 747-400F da KLM Cargo no Aeroporto de Viracopos, em Campinas/SP

Como você poderá notar nas duas imagens abaixo, capturadas na noite desta quinta-feira, 2 de abril, através da aplicação de filtro para se visualizar apenas aeronaves da família 747 no site FlightRadar24, o modelo ainda tem um papel fundamental no cenário da aviação de carga.

As imagens são complementares, dividindo o mundo em duas partes. A margem direita da primeira imagem tem continuação na margem esquerda da segunda, e o mesmo vale entre a margem direita da segunda com a esquerda da primeira, completando a volta ao mundo:

FlightRadar24 Jumbos Boeing 747 ao redor do mundo
Imagem: FlightRadar24

FlightRadar24 Jumbos Boeing 747 ao redor do mundo
Imagem: FlightRadar24

No momento em que as imagens foram capturadas, efetuamos um levantamento de cada uma das aeronaves sendo rastreadas pelo site. Os números impressionam.

Diante da altíssima demanda pelo transporte de insumos médicos em função da pandemia de COVID-19, nada menos do que 143 Jumbos estavam voando ao mesmo tempo. E note esse detalhe que acabamos de dizer: “estavam voando”, portanto, não entram nessa conta nenhum dos muitos que estavam em solo carregando, descarregando ou aguardando até um próximo voo neste momento em que fizemos o levantamento.

Avião Boeing 747-400 Atlas Air
Boeing 747-400F da Atlas Air

Veja alguns dados interessantes revelados pelo levantamento:

  • Apenas 8 Jumbos na versão de passageiros estavam em voo, e metade deles (4) eram 747-400 da companhia de fretamentos espanhola Wamos Air. A outra metade eram dois 747-8I da Lufthansa, e outros dois 747-400, sendo um da Lufthansa e um da British Airways;
  • Nada menos do que 23 diferentes companhias aéreas estavam efetuando operações com Jumbos na versão cargueira, sendo 84 voos com o 747-400F e 51 voos com o 747-8F;
  • A norte-americana Atlas Air era a companhia aérea com mais Boeings 747 no ar, em um total de 16 jatos, sendo 13 do modelo -400F e 3 do -8F. Apenas a Cargolux seria capaz de igualar a quantidade ao juntarmos a seus 13 voos os outros 3 de sua subsidiária Cargolux Itália. Na sequência, vêm Cathay Pacific e Kalitta Air com 13, e AirBridge Cargo com 12.

A seguir, acompanhe o resultado do levantamento dessa noite de quinta-feira, dividido entre os 4 modelos de Jumbo encontrados em voo.

Boeing 747-400 (de passageiros)

Total de jatos em voo: 6

  • Lufthansa: 1
  • British Airways: 1
  • Wamos Air: 4

Boeing 747-8I (de passageiros)

Total de jatos em voo: 2

  • Lufthansa: 2

Boeing 747-400F (de carga)

Total de jatos em voo: 84

  • ACE Belgium Freighters: 1
  • Air Atlanta Icelandic: 1
  • AirBridge Cargo: 3
  • Air China Cargo:1
  • Asiana Airlines: 6
  • ASL Airlines Belgium: 1
  • Atlas Air 13
  • Cargolux: 6
  • Cargolux Itália: 2
  • Cathay Pacific: 2
  • China Airlines: 10
  • Kalitta Air: 13
  • Korean Air: 2
  • Martinair (KLM Cargo): 2
  • Polar Air Cargo: 4
  • Rubystar: 1
  • Saudia: 2
  • SF Airlines: 2
  • Silk Way West Airlines: 3
  • Singapore Airlines: 4
  • Sky Lease: 1
  • UPS: 4

Boeing 747-8F (de carga)

Total de jatos em voo: 51

  • AirBridge Cargo: 9
  • Atlas Air: 3
  • Cargolux: 7
  • Cargolux Itália: 1
  • Cathay Pacific: 11
  • Korean Air: 4
  • Nippon Cargo Airlines: 4
  • Polar Air Cargo: 3
  • Silk Way West Airlines: 3
  • UPS: 6