Menino ganha quase meio milhão após comissário de voo derrubar chá em sua mão

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Avião Airbus A321neo Aero Icarus
Imagem: Aero Icarus via Flickr

Um comissário derrubou, sem querer, chá na mão de um garoto durante um voo e o jovem acabou ganhando uma bolada de indenização. A indenização de € 65 mil euros, equivalente hoje a R$432 mil, foi ordenada pela corte de Dublin ontem (19), para que fosse paga à Emre Karakaya, que tinha 13 anos quando foi atingido pelo chá.

O caso aconteceu em 2017 durante um voo da Turkish Airlines de Dublin, na Irlanda, para Istambul, na Turquia. Durante o serviço de bordo, um comissário, de maneira não intencional, derrubou chá na mão do garoto, causando queimaduras, como reporta o DailyMail.

Os ferimentos se curaram num prazo de três semanas, mas deixaram uma cicatriz permanente na mão do garoto. A família do menino, que hoje tem 17 anos, decidiu entrar com uma ação na justiça pedindo indenização entre 55 e 75 mil euros à empresa aérea estatal turca.

A corte levou em consideração o artigo 17 da Convenção de Montreal, que define que qualquer dano causado ao passageiro dentro da aeronave é de responsabilidade da companhia aérea. A única exceção é caso a empresa aérea prove que o dano foi causado por negligência do próprio passageiro, o que não foi o caso.

Carlos Martins
Fascinado por aviões desde 1999, se formou em Aeronáutica estudando na Cal State Long Beach e Western Michigan University. Atualmente é Editor-Chefe no AEROIN, Piloto de Avião, membro da AOPA, com passagem pela Avianca Brasil. #GoBroncos #GoBeach #2A

Veja outras histórias

Falha grave de segurança faz passageiro embarcar em voo com arma...

0
Um homem voou numa aeronave da American Airlines de Bridgetown, em Barbados, para Miami, levando consigo uma arma de fogo