Início Empresas Aéreas Mineral Airways, do Chile, aposenta seu último “breguinha” de passageiros

Mineral Airways, do Chile, aposenta seu último “breguinha” de passageiros

Já haviam poucos Boeing 737-200 de passageiros em serviço pelo mundo. É agora há um a menos.

Na sexta-feira (12), o último “breguinha” (como a aeronave é carinhosamente chamada) da DAP Mineral Airways (subsidiária das Aerovias DAP) realizou seu derradeiro voo de passageiros entre Santiago e El Salvador, no norte do Chile.

Os outros dois “bregas” da empresa já estavam parados há alguns meses. Um deles será trasladado a um novo operador, enquanto o outro já virou ferro-velho.

Na Mineral, o 737-200 foi usado para voos fretados de companhias de mineração, uma vez que o Chile possui uma das maiores reservas de Cobre do mundo, transportando o pessoal entre Santiago e as cidades ao norte. A empresa também levava times de futebol e torcedores aos países próximos. Esses Boeing já foram avistados várias vezes pelo Brasil.

A DAP continuará operando charters com sua frota atual de BAe146.

Sair da versão mobile