Motor de Airbus A320 emitindo chamas é filmado em pouso de emergência

Um incidente com um Airbus A320 deixou passageiros apreensivos a bordo ao presenciarem chamas no escape de um dos motores da aeronave que precisou realizar um pouso de emergência.

Cena do vídeo que você verá abaixo nesta matéria

Na última sexta-feira, dia 17 de setembro, a aeronave registrada sob a matrícula XA-VAP, da companhia aérea mexicana Viva Aerobus, decolou do Aeroporto Internacional de Bajío, com destino ao de Tijuana, ambos no México.

Após a decolagem do voo de número VB-5029 com 172 passageiros, a aeronave teve problemas no motor #2 (asa direita), que passou a emitir chamas. Segundo relata o Transponder1200, a causa do problema pode ter sido uma colisão do motor contra um pássaro (bird strike) durante a corrida de decolagem.

Em um vídeo gravado por um passageiro, é possível observar o clarão das chamas e faíscas saindo do motor direito:

A aeronave que havia acabado de decolar foi nivelada a cerca de 8.000 pés de altitude (2.400 metros) e começou a realizar órbitas de espera, a fim de queimar o combustível e diminuir o peso para um pouso mais seguro no aeroporto de origem.

Abaixo é possível observar dados obtidos através do FlightRadar24, que mostram a trajetória da aeronave em suas órbitas de espera, antes de realizar o pouso de volta no aeroporto:

Trajetória da aeronave acidentada – Imagem: FlightRadar24

Após cerca de 40 minutos de voo, a aeronave realizou um pouso seguro na pista 13 e todos os passageiros foram desembarcados para serem realocados em um novo voo. A companhia aérea divulgou uma nota horas depois para comentar sobre o incidente. Leia abaixo:

“Hoje, dia 17 de setembro, às 7h14, decolou uma de nossas aeronaves com a matrícula XA-VAP, fazendo a cobertura do voo VB5029 na rota León – Tijuana; minutos depois, durante o voo, ocorreu uma falha relacionada ao motor número dois.

“De acordo com os protocolos de segurança estabelecidos para este tipo de situação, a tripulação da Viva Aerobus regressou ao Aeroporto Internacional de Bajío fazendo um pouso com sucesso às 7h40, confirmando a segurança dos 172 passageiros a bordo e de todos os membros da equipe técnica.

“Em todos os momentos, o controle da aeronave foi mantido de acordo com os procedimentos estabelecidos pelo fabricante, os quais são projetados para continuar operando com segurança nessas condições.

“Em apoio aos nossos passageiros, outra aeronave, com a matrícula XA-VIB, foi designada para cobrir a rota para que os viajantes pudessem completar sua viagem o mais rápido possível e em ótimas condições de segurança. A decolagem desse voo ocorreu às 10h21 e o pouso está estimado no Aeroporto Internacional de Tijuana às 11h27 (horário local).

“Lamentamos profundamente os transtornos que esta circunstância possa ter causado, os quais serão analisados ​​e avaliados pela empresa aérea e pelos órgãos competentes.

“A Viva Aerobus reafirma seu compromisso com a segurança em cada um de seus voos, prioridade número um da empresa.”

Leia mais:

Juliano Gianotto
Ativo no Plane Spotting e aficionado pelo mundo aeronáutico, com ênfase em aviação militar, atualmente trabalha no ramo de fotografia profissional.

Veja outras histórias

Comissão de Turismo discute nessa semana a concessão dos aeroportos do...

0
A concessão dos 2 aeroportos no RJ já foi oficializada pelo Ministério da Infraestrutura por meio de edital de chamamento público de estudos.