Norwegian aprova acordo para trocar dívidas de US$ 1 bilhão por ações da empresa

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Os acionistas da Norwegian Air aprovaram um plano de resgate de US$ 1 bilhão em votação realizada na manhã do domingo (03), abrindo caminho para a companhia aérea suprir as condições para obter financiamento do governo de até 2,7 bilhões de coroas suecas (US$ 260 milhões).

Avião Boeing 787 Norwegian

O plano, apoiado por 95% dos acionistas na votação, determina que quase US$ 1 bilhão da dívida da empresa será convertido em patrimônio líquido, ou seja, em ações que serão distribuídas aos credores.

Os acionistas apoiaram o esquema, mesmo diante do fato de que isso os deixará com apenas 5,2% da empresa, e as ações da empresa subiram 30% depois do anúncio. O plano significa que a empresa terá dinheiro suficiente para continuar operando até o final do ano.

Muitos ficaram céticos sobre as chances de sobrevivência da Norwegian devido ao valor de suas dívidas, que se acumularam devido à rápida expansão nos mercados transatlânticos e de baixo custo.

No entanto, depois que os detentores de títulos da empresa aprovaram o acordo no domingo, a companhia aérea agora pode aumentar o patrimônio para suprir a condição necessária para acessar os empréstimos do governo.

Atualmente, a companhia aérea de baixo custo opera apenas um pequeno número de voos domésticos, utilizando-se de sete aeronaves.

Na semana passada, a Norwegian alertou que a maioria dos aviões de sua frota poderia permanecer fora de operação até abril de 2021, dependendo da evolução da situação da crise mundial.

De acordo com um plano compartilhado antes da votação, a empresa estima que aumentará os serviços para um nível normal somente em 2022.

Com informações do Teknisk Ukeblad

Receba as notícias em seu celular, acesse o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

Murilo Bassetohttp://www.aeroin.net
Formado em Engenharia Mecânica e Pós-Graduando em Engenharia de Manutenção Aeronáutica, possui mais de 6 anos de experiência na área controle técnico de manutenção aeronáutica.

Veja outras histórias