O ‘cara do jetpack’, que assustou vários pilotos, pode ser um boneco preso num drone

Receba essa e outras notícias em seu celular, clique para acessar o canal AEROIN no Telegram e nosso perfil no Instagram.

No final do ano passado, vários pilotos de voos comerciais de passageiros se assustaram durante a aproximação para o aeroporto internacional de Los Angeles ao se depararem com o que parecia ser um homem voando com uma mochila a jato. Rapidamente, o assunto ganhou os noticiários do mundo e até as conversas do controle de tráfego aéreo vieram à tona, revelando a surpresa de todos.

Mas, o que parecia ser um homem voando com um jetpack pode, na verdade, ser um manequim pendurado em um drone. Segundo reportou o Gizmodo, os detalhes vêm do site investigativo The Black Vault, que contatou a Federal Aviation Administration (FAA) após o primeiro avistamento em agosto.

O site fez uso do FOIA (que dá aos cidadãos americanos o direito de acesso às informações do governo) e recebeu documentos mostrando correspondência entre oficiais da FAA e controladores de tráfego aéreo após o evento em questão. Uma parte do documento destaca que um dos pilotos informou ao FBI que o “homem do jetpack” parecia idêntico a um drone com um manequim que ele vira em um vídeo do YouTube (abaixo).

Não há uma nota oficial do governo americano ainda, mas a explicação parece plausível, embora decepcionante para os futurólogos. De qualquer forma, um drone ou uma pessoa voando são igualmente perigosos para o tráfego aéreo, sobretudo se não houver autorização para tal e em um dos espaços aéreos mais movimentados dos Estados Unidos.

Carlos Ferreira
Managing Director - MBA em Finanças pela FGV-SP, estudioso de temas relacionados com a aviação e marketing aeronáutico há duas décadas. Grande vivência internacional e larga experiência em Data Analytics.

Veja outras histórias

Aeroporto Boston Logan

Aeroporto lança serviço para pedido de comida e outros itens no...

0
O passageiro pode pedir comida ou itens de varejo de qualquer terminal para coleta ou entrega em um portão de embarque designado.